conecte-se conosco


Mulher

Horóscopo do dia: previsões para 21 de outubro de 2019

Publicado

source
mandala arrow-options
Marcelo Dalla
O horóscopo do dia te ajuda a se preparar para as atividades da vida

ÁRIES

Um período de fechamento e conclusões tem início com a Lua minguante. É bom cultivar uma postura mais receptiva, não adianta querer forçar situações. Mercúrio continua em harmonia com Plutão, favorecendo estudos, pesquisas e aprofundamentos. Você pode inclusive encontrar respostas que há tempos procura. A Lua ingressa em Leão, valor aproveitar o domingo para atividades de lazer também. Fica mais gostoso cultivar alegria, dar vazão à sua criatividade e à criança interior.

TOURO  

Período de Lua minguante, evite novos investimentos. Prefira finalizar o que já estava em andamento. Encontros, reuniões e contatos podem ajudá-lo a concluir assuntos. Vênus se combina com Saturno, favorecendo o planejamento financeiro e os cuidados com a aparência pessoal. A Lua segue em Leão, vale programar encontros, fazer programas a dois. Aproveite também para questionar-se: tem paixão pelo seu trabalho? Existe algo em sua vida do qual gosta de verdade? O que realmente quer com todo o coração?

GÊMEOS

O bom gosto vem junto com a atitude, a coragem, a personalidade marcante, um jeito especial de ser e de viver socialmente. A Lua minguante segue em Leão, enquanto Mercúrio se combina com Plutão: aproveite para comunicar-se com mais confiança. Fica mais fácil perceber o que tem futuro e o que não tem. As tarefas realizadas com o coração, com prazer, garantem mais resultados. É tempo de encontrar respostas, ir mais fundo em qualquer assunto. Fica mais fácil compreender a si mesmo e aos outros também.

CÂNCER

Doses extras de força, iniciativa e coragem para abrir caminhos. A Lua ingressa no festivo Leão: você fica mais solto, confiante e espontâneo. Conte com expressividade. Vênus se combina com Saturno e Netuno, os acordos podem ser alinhados com mais praticidade, estratégia e objetividade. Empatia e compreensão estão favorecidas, esteja aberto para pesquisar, dialogar, perguntar, tirar dúvidas. Com a Lua minguante, é importante também reservar tempo para ficar sozinho e ouvir sua voz interior.

Veja Também  Bebê tem clavícula trincada durante o parto: “Ele gritava de dor”

LEÃO  

A Lua minguante ingressa em seu signo: é importante cultivar momentos de prazer e lazer, com liberdade, autonomia e independência. Procure ser franco e autêntico para que possa concluir velhos assuntos e se libertar de entraves. Vale contagiar a todos com seu brilho, distribuir sorrisos e elogios por onde passar. Vênus se combina com Saturno, você pode se relacionar de forma segura. Pode também cultivar gentileza, cordialidade e elegância. Fica mais resolver impasses de forma equilibrada, objetiva, sábia e diplomática.

VIRGEM  

Bom período para contatos, intercâmbios, negócios e conclusões em geral. Com Mercúrio em harmonia com Saturno, fica mais fácil perceber o que deve ser encaminhado e finalizado. Júpiter segue em Escorpião, indicando mais profundidade no raciocínio. É tempo de concluir tarefas pendentes, rever objetivos e estratégias. Checar o quanto avançou e o quanto ainda lhe falta. Enquanto isso, a Lua segue minguante: vale também diminuir o ritmo, respirar fundo para descansar a mente e se conectar com seu coração.

LIBRA

É tempo de concluir assuntos com mais objetividade, inspiração e capacidade de compreensão. Vênus se combina com Saturno e Netuno, os relacionamentos ocupam o primeiro plano em sua vida. É tempo de aprofundar o amor, equilibrar negociações, fazer contatos, alinhar interesse, esclarecer assuntos que estavam confusos. Utilize o momento para analisar e reorganizar as coisas, para dialogar e expressar seus pensamentos mais íntimos para as pessoas que ama. Acordos e alianças estão favorecidos.

ESCORPIÃO

Mercúrio e Vênus seguem em seu signo, situações confusas podem ser esclarecidas com calma, amor e sedução. Mas evite tarefas exaustivas. Vale lembrar que você vive o fim de um ciclo solar e lunar, é importante respeitar seus limites. Reserve tempo também para relaxar, descansar, cultivar prazer e serenidade. Enquanto isso, a Lua minguante ingressa em Leão: procure gastar energia com iniciativas em nome da cura, da qualidade de vida. É tempo de desenvolver a confiança em seu potencial. 

SAGITÁRIO

A Lua ingressa em Leão e inicia a fase minguante: conte com mais confiança para cultivar seus dons de liderança, criatividade, motivação. É tempo de pensamentos positivos, celebração, alegria, generosidade e bom humor. Porém, evite acumular muitos compromissos e iniciar algo novo. Limpezas, percepções e finalizações importantes estão em pauta. Mesmo neste período de intensa vida social, é importante reservar momentos para ficar sozinho e se poupar, cuidar da saúde com uma dieta balanceada e descansar mais.

Veja Também  Eleve o patamar do seu look com os calçados e acessórios verão 2020

CAPRICÓRNIO

Continue cultivando a confiança em si, no seu trabalho e nas suas criações. A Lua minguante ingressa em Leão, fica mais fácil contagiar as pessoas com suas ideias, tomar iniciativas, agir com coragem e autenticidade. Vênus se combina com Saturno: aproveite para comprometer-se com seu crescimento, a canalizar seus esforços em metas claras, diretrizes seguras, projetos bem estruturados. Plutão segue em seu signo, esta é uma grande oportunidade para promover uma reforma interna, uma revolução em seus conceitos!

AQUÁRIO

A Lua minguante segue em Leão, enquanto Mercúrio se combina com Plutão: você pode agora se aprofundar em algum assunto, investir em pesquisas, análises, exames e diagnósticos. É tempo de buscar diversão e novos lugares, conhecer pessoas, mudar costumes e hábitos. Aproveite também para analisar os recursos que possui para levar adiante seu projeto. Se necessário, faça ajustes, inove e mude alguns detalhes. Novas ideias e novas soluções podem surgir, aproveite para ampliar seu círculo de amizades.

PEIXES

A sensibilidade e a capacidade de comunicar sentimentos estão em evidência. Com a Lua minguante em Leão, aproveite para encaminhar assuntos pendentes e concluir negociações, com a ajuda de sua intuição. Bom período para fazer contatos, ativar ligações, investir nas atividades em grupo, encontrar-se com os amigos e namorar. Aproveite para cultivar alegria, diversão e confiança em seu potencial criativo. Prefira estar em companhia de pessoas positivas, num ambiente que assegure o alto astral.

Para além do horóscopo do dia :

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook

Mulher

Eleve o patamar do seu look com os calçados e acessórios verão 2020

Publicado

source

De acordo com as últimas novidades do universo fashion, o verão 2020 dá indícios de que o clima natural e a vibe handmade, unida às formas orgânicas, serão o ponto alto da estação. 

Cores quentes e enérgicas como amarelo, laranja, rosa e vermelho aquecem os visuais mais disputados, enquanto estampas vibrantes atualizam os outfits do verão 2020 .

Leia também: o clima natural invade a alta costura

Bolsas handmade 

As tramas naturais e peças feitas à mão conquistaram a mulher brasileira e já é figurinha carimbada em território nacional. Macrame, crochet, palha, bambu e bordados ganham personalidade e delicadeza em produções casuais cheias de feminilidade. Aposte no vestido longo e fluido com uma rasteirinha básica. O toque de estilo fica por conta da bolsa de palha: charme para todo lado!

Acessórios naturais 

A moda verão 2020, traz para os acessórios elementos naturais, diretamente do fundo do mar. Búzios, conchas e coral, juntamente com detalhes dourados ou prateados trazem o clima praiano para o look do dia. Incorpore também esta tendência!

Veja Também  Qual o signo mais buscado na web? Veja ranking e motivos para tanta curiosidade

Leia também: aprenda a usar as tendências de verão de maneira simples e estilosa

Rasteirinhas 

As rasteirinhas desta vez estão mais confortáveis e cheias de estilo. O solado de borracha traz praticidade e um conforto a mais para os pés, e para elevar o patamar, elementos como estampas e bordados são escalados para conquistar o seus pés.

Leia também: a bolsa certa para cada ocasição!

Sandália de tiras 

Das indispensáveis rasteirinhas até a atitude do salto, as sandálias de têm cadeira cativa na temporada verão 2020 . Opções coloridas e vibrantes, tiras metalizadas, bico folha ou quadrado elevam o patamar de qualquer look. 

O verão 2020 está recheado de personalidade: nuances enérgicas, elementos naturais e formas descomplicadas garantem o frescor indispensável da estação. Incorpore esta essência e conquiste um visual descolado, fortalecendo sua conexão com o simples e natural!

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Crianças brasileiras sofrerão mais com dengue e poluição no futuro, diz estudo

Publicado

source

Uma criança nascida nesta quinta-feira viverá, em média, até 2090. Mas, se os efeitos do aquecimento global não forem contidos, a população infantil estará cada vez mais exposta a doenças respiratórias e epidêmicas, incluindo a dengue, por conta do aumento das temperaturas, da poluição de gases poluentes e de queimadas. O alerta é do relatório anual sobre mudanças climáticas da revista científica britânica The Lancet .

Leia também: Cinco dicas para evitar doenças respiratórias no verão

criança olhando pela janela arrow-options
shutterstock
Estudo aponta que crianças brasileiras sofrerão mais com dengue e poluição no futuro

O The Lancet Countdown on Health and Climate Change , que avalia anualmente o cumprimento das metas firmadas pelo Acordo de Paris, está na sua terceira edição. É a primeira vez que o documento se dedica exclusivamente aos impactos à infância. No ano passado, o relatório destacou, entre outros fatores, o impacto das mudanças climáticas na infraestrutura e economia de países e cidades.

O estudo, assinado por 69 acadêmicos de diferentes instituições ao redor do mundo, projeta os impactos na saúde humana em dois cenários — um no caso de sucesso dos compromissos firmados no Acordo de Paris, que pretende reduzir as emissões de gases poluentes e restringir o aumento dos termômetros globais ao limiar de 2°C até o fim do século, e outro onde as metas não foram atingidas.

Segundo o editor-executivo do relatório, Nick Watts, uma criança nascida nos tempos atuais viverá, em média, até 2090. Se o cenário das emissões de gases do efeito de estufa não for revertido, os termômetros podem subir até 4°C, e as consequências seriam inimagináveis. Oito dos dez anos mais quentes registrados na história ocorreram nesta década.

“Nós mal sabemos o que isso representaria em uma perspectiva climática, e não temos ideia do que significaria para a saúde pública . Mas temos certeza que os efeitos seriam catastróficos’, alerta Watts.

Leia também: Como usar repelente em crianças? Veja quais cuidados você deve tomar

Veja Também  Qual o signo mais buscado na web? Veja ranking e motivos para tanta curiosidade

Dengue

mosquito da dengue arrow-options
undefined
Crianças são mais suscetíveis aos efeitos mais severos do vírus transmitido pelo Aedes aegypt

Entre os principais riscos elencados pelo estudo, o relatório alerta para os riscos da disseminação dos mosquitos vetores com o aumento nas temperaturas globais, envolvendo inclusive outros males sensíveis ao clima, como a malária. Crianças também são mais suscetíveis aos efeitos mais severos do vírus transmitido pelo Aedes aegypt , como a diarreia, o que amplia os riscos infantis.

O ano de 2017, por exemplo, registrou o segundo maior índice de infecções da dengue desde 1950. Nos últimos 70 anos, a capacidade de transmissão da doença aumentou 5%. Na série dos dez anos mais suscetíveis à disseminação da dengue, nove ocorreram desde 2000. As estatísticas mais alarmantes de mortes pela doença no período entre 1990 e 2017 se concentram no Sudeste Asiático, segundo números da Organização Mundial da Saúde (OMS). O continente americano também registrou um aumento no índice de óbitos, embora menos expressivo.

Além disso, na hipótese de fracasso dos compromissos do Acordo de Paris , haveria um aumento considerável de problemas de saúde envolvendo a piora da poluição do ar.

“A cada grau acrescido nos termômetros, uma criança nascida nos dias de hoje encara um futuro no qual sua saúde e seu bem-estar será gradualmente afetado pela realidade e pelo perigo de um mundo mais quente”, explica Renee Salas, instrutora clínica de medicina de emergência na Escola Médica da Universidade de Harvard, que participou do estudo.

Ainda segundo Renee, os problemas podem surgir ainda durante a gravidez: “As mudanças climáticas e a poluição do ar com origem em combustíveis fósseis ameaçam a saúde das crianças ainda no útero da mãe, e se acumulam a partir daí”.

A vulnerabilidade na infância se explica, em parte, pelas próprias características físicas. Crianças acabam absorvendo mais poluição no organismo do que adultos expostos ao mesmo ambiente, em razão do tamanho de seus corpos, além de outras variáveis.

Veja Também  Vai fazer uma cirurgia plástica? Prepare-se para ficar longe do cigarro

“O coração das crianças bate mais rápido do que o dos adultos, e a frequência de respiração também é maior”, diz Mona Sarfaty, diretora do programa de clima e saúde no Centro de Comunicação das Mudanças Climáticas na Universidade George Mason.

De acordo com o relatório, somente em 2016, a poluição aérea foi responsável pela morte de sete milhões de pessoas ao redor do mundo. A queima de combustíveis fósseis como carvão e gás libera um tipo de poluição muito fina, chamada de PM 2.5, que pode prejudicar o coração e os pulmões quando inalados.

A exposição ao poluente também está ligada à subnutrição no momento do nascimento e ao desenvolvimento de doenças respiratórias crônicas, como a asma.

Leia também: Quando é hora de levar a criança ao psicólogo?

Queimadas

queimada arrow-options
Fernando Martinho/Repórter Brasil
A saúde mental das crianças também será afetada

O relatório publicado na The Lancet aponta, ainda, para outra ameaça à saúde pública que já se tornou realidade para quem vive na região amazônica: os incêndios florestais. Embora as queimadas da Amazôni a tenham sido promovidas por ações criminosas, o agravamento das mudanças climáticas, a exemplo do clima seco que ajudou a disseminar o fogo no Pantanal, contribui para o aumento no número de incêndios ao redor do mundo, como no estado americano da Califórnia.

Desde 2015, o número de pessoas expostas à fumaça provocada pelo fogo em florestas cresceu 77%, a maior parte na Índia e na China. No Brasil, durante o auge das queimadas na Amazônia, os efeitos foram sentidos pela população de diversos estados. No Pantanal, houve um aumento de 2.025% na ocorrência de incêndios em outubro deste ano, comparado ao mesmo período de 2018.

Os cientistas apontam, ainda, prejuízos à saúde mental dessas crianças.

“Muitas crianças que escaparam dos incêndios serão, na prática, afetadas pelo resto da vida. Há problemas de saúde mental se desenvolvendo em decorrência de eventos climáticos como incêndios e enchentes que crianças nunca enfrentaram na frequência e intensidade como nos dias atuais”, avalia Gina McCarthy, ex-diretora da Agência de Proteção Ambiental americana.

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana