conecte-se conosco


Policial

Foragido da Justiça do Paraná é preso em flagrante por violência doméstica em Nobres

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Polícia Judiciária Civil de Nobres (146 km a Médio-Norte de Cuiabá) cumpriu  no sábado (19.10), o mandado de prisão preventiva contra um homem foragido da Justiça do Paraná, também acusado de violência doméstica contra a ex-companheira.no município.

O suspeito, G.C., 45, estava com a ordem de prisão decretada pela Comarca de Curitiba (PR) e foi localizado após agredir a ex-companheira no município de Nobres.

As diligências iniciaram após a vítima comparecer a Delegacia de Nobres, na tarde de sábado (19), relatando que foi buscar o filho com o ex-marido, ocasião em que foi agredida com socos e chutes pelo suspeito.

Com base nas informações, os policiais civis foram até a residência do agressor, onde realizaram a sua detenção. Em checagem no sistema, também foi verificado o mandado de prisão em aberto. 

Conduzido a Delegacia de Nobres, o suspeito foi interrogado pelo delegado Afonso Monteiro da Silva Junior,  e posteriormente autuado em flagrante por lesão corporal, no âmbito da Lei Maria da Penha, além de ter a ordem de prisão devidamente cumprida.

Veja Também  Polícia Civil prende traficante e fecha boca de fumo no Pedregal

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook

Policial

Operação Hydrus cumpre 22 mandados de prisões contra suspeitos de organização criminosa

Publicado

Assessoria/PJC-MT

A Polícia Judiciária Civil de Guarantã do Norte deflagrou na manhã desta terça-feira (12.11), a Operação Hydrus para cumprimento de 22 mandados de prisões temporárias contra alvos suspeitos de tráfico de drogas, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

As investigações que deram origem à operação Hydrus se basearam em informações obtidas a partir de outra operação, a ‘Mercúrio’ deflagrada no início deste ano também em Guarantã do Norte. Ambas investigam organização criminosa que tentava se instalar no município.

Foram oito meses de investigação dos crimes de tráfico de drogas, associação ao tráfico, lavagem de dinheiro e organização criminosa conduzidas pela Delegacia Municipal de Guarantã do Norte, com apoio do Núcleo de Inteligência da Delegacia Regional. O delegado Waner dos Santos Neves representou pela prisão temporária dos suspeitos e pelos mandados de buscas e apreensões deferidos pela justiça local.

Vinte pessoas foram presas em Guarantã do Norte e outras duas em Peixoto de Azevedo.  Foram apreendidas durante a operação cinco armas de fogo, sendo três pistolas, uma carabina e um revólver; um simulacro de arma de fogo, entorpecentes, munições e R$ 40 mil. As drogas ainda estão sendo pesadas.

Veja Também  Polícia Civil cumpre mandados de prisões contra acusados de estupro e roubo qualificado

Participaram da operação 70 policiais entre, investigadores, escrivães e delegados das regionais, de Sinop, Nova Mutum, Alta Floresta, todas as unidades da regional de Guarantã do Norte, equipes do Grupo de Operações Especiais (GOE) e da Polinter.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Autor de homicídio praticado em Cuiabá há 29 anos é preso em Brasília

Publicado

Assessoria | PJC-MT

O autor de um homicídio praticado há 29 anos teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Judiciária Civil, na segunda-feira (11.11), em Brasília (DF), após ter seu paradeiro identificado em investigações da Gerência Estadual de Polinter e Capturas (Gepol). O suspeito, Sátiro Leôncio de Arruda Filho, 50, estava com a ordem de prisão por condenação, decretada por homicídio qualificado que dificultou ou impossibilitou a defesa da vítima.

A prisão do suspeito foi realizada pela equipe da Gepol com apoio da Divisão Anti Sequestro (DAS) da Polícia Civil do Distrito Federal. Réu confesso, Sátiro Leôncio, foi condenado a 12 anos e 06 meses de reclusão em regime fechado e estava com a ordem de prisão pendente de cumprimento expedida pela 1ª Vara Criminal de Cuiabá.

O homicídio brutal praticado pelo suspeito ocorreu no dia 04 de novembro de 1990, no bairro Dom Aquino em Cuiabá, tendo como vítima Augsuto César dos Santos. Na ocasião, o suspeito acompanhado de um comparsa desferiu vários golpes de faca contra a vítima, que era filho de um policial militar aposentado.

Veja Também  Polícia Civil cumpre prisão preventiva de suspeito de violência doméstica na Capital

O crime foi praticado em frente a irmã da vítima, na época de apenas 10 anos de idade. Mesmo ferida, a vítima tentou fugir dos agressores, mas foi perseguida e executada a facadas. Após receber a ordem de prisão contra o foragido, os policiais do Núcleo de Inteligência (NI) iniciaram as diligências investigativas, cartorárias e de campo, visando localizar e prender o suspeito.

Com a informação de que o foragido estava em Brasília, os policiais da Gepol solicitaram apoio da equipe do DAS conseguindo realizar a prisão do suspeito, no Centro de Reabilitação para Dependentes Químicos, na cidade-satélite de Brasilândia, onde ele atuava como terapeuta.

Depois de tomadas as providências de praxe para cumprimento do mandado, o preso será recambiado para Cuiabá onde permanecerá a disposição da Justiça.

 

 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana