conecte-se conosco


Mato Grosso

Mato Grosso é o maior vencedor da etapa regional dos Jogos Escolares da Juventude

Avatar

Publicado

Com cinco títulos de campeão e quatro de vice-campeão, Mato Grosso foi a delegação com mais conquistas na etapa Regional Verde dos Jogos Escolares da Juventude, realizada em Palmas (TO), de 12 a 15 de setembro. As nove equipes do Estado estão agora classificadas para a etapa Nacional, que ocorrerá em novembro, na cidade de Blumenau (SC).

Foram quatro dias de emoção, alegrias e frustrações para 130 estudantes mato-grossenses, de 12 a 17 anos, que disputaram as modalidades de basquete, futsal, handebol e vôlei. Campeões estaduais, os jovens atletas representaram Mato Grosso na fase Regional Verde da competição que contou com os sete Estados da Região Norte e mais o Distrito Federal, segundo colocado no número de títulos, com oito equipes classificadas.

Para Cristiano Fripp, treinador do handebol masculino da categoria A (de 15 a 17 anos), os bons resultados são reflexos da transparência oferecida pela Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) na organização da viagem da delegação mato-grossense. 

“A Secel trabalhou sempre com a verdade, sendo transparente. A organização e a previsibilidade da Secretaria permitiram que as equipes se organizassem também de forma tranqüila. Para o esporte, especialmente na fase escolar, isso é muito importante”, destacou o técnico campeão em sua modalidade.

Organizadas pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), mais duas etapas Regionais habilitam as escolas representantes dos demais Estados para a final Brasileira da competição. Em Mato Grosso, as fases regionais e estaduais são realizadas pela Secel – que também fica responsável pela delegação do Estado nas etapas nacionais.

“O evento é maravilhoso. Temos muita confiança nos técnicos de nossos filhos e no pessoal do Governo do Estado que ajuda na organização. Estamos acompanhando e torcendo muito”, contaram Cristiane Padilha e Simone Ribeiro, mães dos atletas do futsal de 15 a 17 anos, Jordan e André, respectivamente. As duas superaram a distância e foram torcer pessoalmente por seus filhos na capital tocantinense. 

Jordan em disputa de bola enquanto sua mãe torce na arquibancada – Foto por: Alexandre Loureiro/COB

Com instituições públicas e particulares de Barra do Garças, Cuiabá, Pedra Preta, Primavera do Leste e Sorriso, a participação nos Jogos mostrou ao país a qualidade do esporte escolar em Mato Grosso. Apesar de quatro das 13 equipes da delegação mato-grossense não terem passado para a fase nacional, todas conquistaram boas colocações na competição. Veja os resultados no final do texto.

Em outubro, estudantes que praticam esportes individuais disputam os títulos de campeões estaduais e as vagas para vivenciar a maior competição escolar do país, juntando-se ao grupo de equipes habilitadas para a etapa nacional dos Jogos Escolares da Juventude.   

“Agradeço demais por estar competindo. Sei que muitas meninas queriam estar em nosso lugar, chegar aonde nós chegamos, está sendo tudo muito bom. E vai ser ainda mais incrível no Brasileiro em Blumenau”, comemora Carla Cristina da Silva, autora de dois gols na partida que classificou a equipe de futsal feminino da categoria B (12 a 14 anos) para a fase nacional.

Destaques

A Escola Estadual 13 de Maio, de Sorriso, foi a instituição que mais se destacou na Regional Verde, em Palmas. Quatro equipes participaram dessa fase brasileira e três foram campeãs: basquete feminino (12 a 14 anos), handebol feminino (15 a 17) e handebol masculino (15 a 17). Além disso, a equipe de handebol masculino (12 a 14 anos) já havia conseguido a classificação direta para Blumenau 2019.

Equipe de handebol feminino (15 a 17 anos) em disputa de semifinal  –  Foto por: Alexandre Loureiro/COB

Já a Escola Interativa Coopema, de Barra do Garças, garantiu as vagas para a etapa nacional com as duas equipes que disputaram a Regional Verde: basquete masculino (12 a 14 anos) e vôlei feminino (15 a 17 anos).

Por Mato Grosso ter ficado entre os cinco primeiros colocados nas modalidades durante a competição nacional do ano anterior, outras duas equipes da categoria A (15 a 17 anos) também foram habilitadas de forma direta para a fase final na cidade catarinense: vôlei masculino, do Colégio Isaac Newton, em Cuiabá e basquete feminino, do Colégio Regina Pacis, em Sinop. Os dois times foram campeões da etapa estadual mato-grossense.

Regional Verde – resultados MT

Basquete feminino 12 a 14 anos
Campeão: Escola Estadual 13 de Maio, de Sorriso

Basquete masculino 12 a 14 anos
Campeão: Escola Interativa Coopema, de Barra do Garças

Basquete masculino 15 a 17 anos
3° lugar: Colégio Isaac Newton, de Cuiabá

Futsal feminino 12 a 14 anos
Vice-campeão: Centro de Ensino Aquarela, de Primavera do Leste

Futsal masculino 12 a 14 anos
6° lugar: E. E. Dez de Dezembro, de Pedra Preta

Futsal feminino 15 a 17 anos
4° lugar: Escola Estadual 13 de Maio, de Sorriso

Futsal masculino 15 a 17 anos
Vice-campeão: Colégio Fato, de Cuiabá

Handebol feminino 12 a 14 anos
Campeão: Colégio Mãe Divina Providência, de Primavera do Leste

Handebol feminino 15 a 17 anos
Campeão: Escola Estadual 13 de Maio, de Sorriso

Handebol masculino 15 a 17 anos
Campeão: Escola Estadual 13 de Maio, de Sorriso

Vôlei feminino 12 a 14 anos
3° lugar: Colégio Isaac Newton, de Cuiabá

Vôlei masculino 12 a 14 anos
Vice-campeão: Centro Educacional Maria Auxiliadora-CEMA, de Cuiabá

Vôlei feminino 15 a 17 anos
Vice-campeão: Escola Interativa Coopema, de Barra do Garças

Comentários Facebook

Mato Grosso

Homenagem ao Dia do Ceramista integra programação online do Museu de Arte Sacra

Avatar

Publicado


.

O museu de Arte Sacra de Mato Grosso (MASMT) traz uma novidade em sua programação online desta semana. No dia nacional do ceramista, celebrado nesta quinta-feira (28.05), o equipamento cultural da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) lança, às 19h, a exposição online em homenagem ao mestre da cerâmica Clínio Moura.

A exibição entra em cartaz no canal de YouTube Museu Arte Sacra e mostrará o acervo de um dos mais antigos artesãos do Estado.  Com curadoria de Viviene Lozzi, a exposição reúne codornas em argila e esculturas de santos em argila sobre óleo, dentre as quais a imagem de São Gonçalo do Amarante, santo violeiro e padroeiro da comunidade onde vivia Seo Clínio, o bairro São Gonçalo Beira Rio, situado na margem esquerda do rio Cuiabá.

“Além de ser uma expressão artística, a cerâmica é uma fonte de renda hoje na comunidade que possui apenas oito artistas produzindo. Essa exposição online é também uma forma de homenagear a resistência da cultura mato-grossense, mostrando o trabalho do povo ribeirinho, sua história, singularidade, memória e identidade”, explica Viviene Lozzi. 

O restante da programação semanal do MASMT terá ainda transmissões ao vivo em que especialistas convidados trazem informações sobre temas relacionados à educação, história, arte, arquitetura e patrimônio. As lives são transmitidas pelo perfil do Museu de Arte Sacra na rede social Instagram (@museudeartesacramt) às 19h, de quinta-feira a domingo. 

Os 60 anos de história da Rádio Difusora Bom Jesus de Cuiabá será o tema da live desta quinta-feira (28.05). A convidada para falar sobre o assunto é Estela Costa, produtora do Vinde & Vinde, apresentadora da Rádio Difusora Bom Jesus e assessora de comunicação da Arquidiocese de Cuiabá.

Na sexta (29.05), a mestre em história e doutora em geografia, Elizabeth Johansen, trata sobre o tema “Devoções populares: múltiplos patrimônios culturais vivenciados cotidianamente”. 

No sábado (30.05), será a vez de aprender sobre “Inventários e proteção de bens eclesiásticos” com Joana Braga, pesquisadora que atua na atualização do Inventário Nacional de Bens Móveis e Integrados (INBMI) da cidade de Diamantina e região, em Minas Gerais.

E no domingo (31.05), a live terá a participação do professor e doutor em Educação, Silas Borges Monteiro, com o tema “Nada é mais grave que uma tradução”.

Com o projeto “MASMT em Casa”, a programação online contou também com mais um vídeo da série “Você Sabia?”, que traz curiosidades sobre o museu.  Nessa semana, o quadro apresenta os instrumentos musicais que pertenceram a Antiga Igreja Bom Jesus de Cuiabá. Esse e os demais vídeos da série estão disponíveis no canal de YouTube Museu Arte Sacra.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Investimentos previstos para concessão da MT-220 somam R$ 267 milhões

Avatar

Publicado


.

O estudo para a concessão da rodovia MT-220, no trecho entre Tabaporã e Sinop, prevê um investimento de R$ 267 milhões em serviços de conservação, recuperação, manutenção e implantação de melhorias em 138,4 quilômetros que passarão a ser de responsabilidade da iniciativa privada.

O estudo foi apresentado durante audiência pública realizada pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) nesta quarta-feira (28.05). O objetivo é que o cidadão conheça o estudo e faça contribuições ao documento que vai subsidiar a realização da futura licitação e concessão.

Segundo o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, a concessão é uma maneira moderna e inteligente de fazer a transferência, por um tempo determinado, da gestão de uma determinada rodovia para a iniciativa privada, que passa a cuidar da conservação do patrimônio rodoviário do Estado.

Durante o período de concessão, a rodovia estará sempre recebendo benfeitorias que não seriam possíveis de serem realizadas pelo Estado. “A concessão é uma forma de ajudar Mato Grosso a retomar o crescimento. Hoje, investe-se muito e gasta-se muita energia para manter as rodovias já pavimentadas e o Estado fica tentando se desdobrar para conseguir avançar com as obras para cidades que ainda não têm o asfalto”, disse o secretário.

Investimentos 

De acordo com o estudo apresentado na audiência, os investimentos previstos ocorrerão ao longo do prazo de 30 anos, referente ao período de concessão. Serão realizados os trabalhos iniciais em toda a extensão de 138,4 quilômetros que, ao longo do período, receberá serviços de recuperação, manutenção programada e melhorias.

Entre as melhorias estão a implantação de 1,1 quilômetro de Via Marginal com largura de 6 metros e passeio lateral de 2,50 metros, assim como a implantação de 14 baias de ônibus com abrigo duplo e passeio de concreto com 2,50 metros de largura. 

Equipe da secretaria adjunta  de Logística e Concessões da Sinfra que conduziu as audiências públicas

Além disso, deverão ser implantadas duas travessias para pedestres, com redutor eletrônico de velocidade, bem como iluminação, canteiro central e a adequação de pontes.  Está prevista ainda a implantação de três praças de pedágio nos KM 23, KM 73 e KM 135 da MT-220. 

A abertura das praças de pedágio poderá ocorrer a partir do 10º mês de concessão, desde que já tenham sido executados todos os trabalhos iniciais previstos, de rejuvenescimento do pavimento da rodovia, além da sinalização e uma melhoria generalizada.  Já o valor da tarifa deverá variar entre R$ 7,90 a R$ 8,30, de acordo com o resultado da futura licitação.

Além disso, a empresa concessionária deverá implantar um centro de controle operacional, uma base de serviço operacional e o Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU), bem como disponibilizar outros equipamentos para atendimento aos usuários da rodovia.

Todo os estudos de modelagem técnica, econômico-financeira e jurídica da concessão desse trecho, bem como as respectivas minutas de edital e contrato, que subsidiarão a futura licitação, estão disponíveis no site  www.sinfra.mt.gov.br.

Outras audiências

Além dessa audiência, a Sinfra já realizou a discussão sobre a concessão de outros trechos de rodovias. Foram discutidas a concessão de 140,6 quilômetros da MT-130, no trecho de Primavera do Leste a Paranatinga, e a concessão das rodovias MT-246, MT-343, MT-358 e MT-480, nos trechos de Jangada a Itanorte, totalizando 233,2 quilômetros. 

Ao todo devem ser concedidos à iniciativa privada 512 quilômetros de rodovias estaduais, nas regiões Sudeste, Centro-Sul e Norte de Mato Grosso. Todas as audiências públicas são conduzidas pelo secretário-adjunto de Logística e Concessões da Sinfra, Huggo Waterson, e todo o processo de concessões está sob a responsabilidade da equipe da secretaria-adjunta.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana