conecte-se conosco


Esportes

Tite explica Neymar no banco em derrota do Brasil e nega privilégios ao atleta

Avatar

Publicado

Neymar começou o amistoso diante do Peru no banco de reservas e entrou no 2º tempo arrow-options
Pedro Martins / MoWA Press

Neymar começou o amistoso diante do Peru no banco de reservas e entrou no 2º tempo

Diante do Peru, o Brasil jogou o primeiro tempo com um time alternativo na madrugada desta quarta-feira. Sem Neymar, Daniel Alves e outros dos principais jogadores do elenco, a seleção brasileira acabou sendo derrotada no amistoso realizado em Los Angeles por 1 a 0 .

No caso de Neymar , a entrada em campo aconteceu somente com a bola rolando no segundo tempo. Ao ser questionado, o técnico Tite explicou. De acordo com o comandante, a seleção precisa aprender jogar sem os melhores jogadores tecnicamente.

“Foi Neymar, foi Dani, foi Thiago, foi Arthur. Temos que saber jogar sem as pilastras técnicas da equipe, as pilastras de liderança, de capitania, de liderança comportamental. Eu não consigo tirar conclusões sem botar para jogar. Temos que responder enquanto equipe também. Mas teve (uma condição física), sim”, afirmou o treinador em entrevista após a partida.

Leia também: Neymar é o terceiro melhor jogador nos games Fifa 20 e PES 2020

“Todos os cartões e acontecimentos extracampo são analisados individualmente, coletivamente ou até mesmo nos dois âmbitos. Posso garantir que nós, da comissão técnica, sempre pensamos na saúde dos atletas e não vamos escalar quem não estiver 100%”, comentou.

Tite disse ainda negou que não exista algum tipo de previlégio a Neymar na seleção. “Ele também passa pela mesma avaliação. Eu acredito que a seleção nos dá a oportunidade de orientá-lo nas áreas que nos são competentes. Não sou eu que vou decidir o que é o certo ou errado para ele. A gente procura sempre desenvolver situações que vão beneficiar os dois lados. Se conversasse com ele a respeito do momento que ele está enfrentando, não contaria para ninguém. Isso é uma coisa pessoal”, completou.

Gramado ruim

Brasil perde para o Peru em amistoso nos EUA arrow-options
Pedro Martins / MoWA Press

Brasil perde para o Peru em amistoso nos EUA

Outro ponto abordado por Tite durante a coletiva foi o estado do gramado – também criticado pelos jogadores na saída de campo e na zona mista. O amistoso do Brasil diante do Peru foi disputado no Memorial Coliseu, em Los Angeles, nos Estados Unidos, estádio de futebol americano, adaptado nesta quarta para um jogo de futebol. O técnico da Seleção Brasileira detonou o estádio, afirmando não ser possível jogar futebol de alto nível nestas condições. 

“Está errado, o gramado influencia no desempenho, não pode acontecer. Corre risco de lesão. Não é desculpa da derrota, não quero colocar isso. Não peguem só uma parte do que estou dizendo. Tem que matar no peito, assumir a derrota. O adversário montou estratégia e ganhou. Mas futebol de alto nível não pode acontecer. Está ligado também à Argentina e Chile (jogaram na semana passada no mesmo estádio). Não pode ter campo nessas condições. Vai ter escanteio, vai ter contato com adversário e vai parar na arquibancada”, comentou.

Leia também: Neymar troca sopapos com jogador colombiano na frente do árbitro; assista

“As pessoas responsáveis, a empresa, também tenho minha responsabilidade, antes conversei com Juninho (diretor de Seleções da CBF). A Pitch (empresa organizadora) precisa cuidar disso, sim. Tem que ter um campo melhor para jogar. Não pode ter um campo desse, não dá para ter um espetáculo num gramado desse. Dá para jogar soccer, dá para jogar de tênis. A gente teve três primeiras bolas que fomos inverter, foram três bolas longas porque não teve precisão. Não é desculpa para a derrota, porque foi para os dois. Mas que um busca mais jogar e outro busca contato, tem uma diferença”.

O Brasil volta a campo ainda neste ano para mais amistosos em Datas Fifa. Estão programados dois para outubro, entre os dias 7 e 15, e dois para novembro, entre 11 e 19. Os adversários e locais destas quatro partidas antes do fim de 2019 ainda não foram confirmados pela CBF.

Comentários Facebook

Esportes

Sul-americana: Bahia bate Nacional (PAR) e dá fôlego a Roger Machado

Avatar

Publicado

O técnico Roger Machado chegou hoje(26), no começo da tarde, no Estádio Luís Alfonso Giagni, na região metropolitana de Assunção (PAR), para buscar a classificação à segunda fase da Copa Sul-Americana contra o Nacional e tentar amenizar a pressão. Nem mesmo a boa vitória de 3×0 conquistada no jogo de ida deixou tranquilo o ambiente do clube. Principalmente por dois motivos: a eliminação na primeira fase da Copa do Brasil para o River do Piauí, e a recente derrota por 2×0 para o rival Vitória, que quebrou uma escrita de mais de dois anos sem derrotas do Bahia no clássico. E foi assim que os brasileiros foram a campo. Mas, logo aos dois minutos, o meia Élber aproveitou um belo lançamento de Rossi e abriu o placar para o Bahia. Parece que era isso que a equipe precisava para atuar com segurança. E foi isso que aconteceu. Na frente do placar, praticamente só deu Bahia na etapa inicial. O artilheiro Gilberto completou o placar com dois gols, o primeiro de pênalti (aos 31 minutos) e o segundo dele (aos 44).

Etapa final

Com 6×0 no placar agregado, o Bahia soube administrar os últimos quarenta e cinco minutos, mesmo com o gol do Nacional (PAR), anotado por Villagra, em um pênalti mal marcado logo no começo do segundo tempo.

Fazendo história

Esse 3×1, no segundo jogo, foi a primeira vitória do Bahia no exterior em uma competição internacional, na sétima participação do clube nesses torneios.

Próxima fase

O adversário do Bahia na próxima fase será conhecido por sorteio, a ser realizado pela Confederação Sul-americana de Futebol (Conmebol). E a próxima partida da equipe será pela Copa Nordeste, no dia 7 de março, contra o Confiança na Arena Fonte Nova.

Fortaleza

Amanhã(27), às 21h30, no Castelão, será a vez do Fortaleza correr atrás da vaga. Depois de perder para o Independiente por 1 x 0 fora de casa, a equipe do técnico Rogério Ceni precisa devolver o placar e vencer nos pênaltis, ou fazer mais de dois gols de vantagem para seguir adiante nos 90 minutos. O gol fora de casa segue sendo critério de classificação. Até hoje à noite, já foram vendidos mais de 45 mil ingressos para a partida. 

Edição: Liliane Farias

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Jogadores do Vasco optam por silêncio contra salários atrasados

Avatar

Publicado

Como protesto pelos salários atrasados, os jogadores do Vasco decidiram suspender as entrevistas coletivas dadas à imprensa. No lugar dos atletas, quem falou foi o diretor-executivo do clube, André Mazzuco, no CT do Almirante.

“Obviamente, nada contra a imprensa. eles estão no direito deles”, disse o dirigente. “É uma ação decidida por eles. Respeitamos e conversamos. Agora cabe ao clube buscar soluções, como vem fazendo. Essa ação deles não significa menos ou mais trabalho”, garantiu.

Mazzuco também confirmou a chegada, por empréstimo, do atacante argentino Martin Benitez nesta quinta-feira (27). “Ele se apresenta para iniciar os exames e os trâmites burocráticos no Rio de Janeiro”, completou o diretor.

O Vasco joga contra o Resende pela Taça Rio neste sábado (29) no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. Quem está fora desta partida e de outras, possivelmente por três meses, é Talles Magno. O jovem operou o pé esquerdo nesta quarta-feira (26), após se acidentar durante o Carnaval em uma piscina natural. “Foi uma fatalidade e a gente espera que ele se recupere o mais rápido possível”, afirmou o dirigente

Ouça a reportagem da Rádio Nacional

Edição: Sergio du Bocage

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana