conecte-se conosco


Diárias de Mercado

TRIGO/CEPEA: Custo de trigo importado cai, mas ainda supera preço interno

Publicado

Cepea, 13/08/2019 – As cotações mais baixas do trigo na Argentina e a desvalorização do dólar frente ao Real em julho resultaram em novas oportunidades de fixação de preços para os moinhos nacionais, que, tradicionalmente, dependem das importações. As aquisições do trigo no mercado externo seguem crescentes e os volumes que chegaram aos portos brasileiros em julho foram realizados nos menores preços dos últimos cinco meses. Mesmo assim, levantamento do Cepea aponta que o valor do produto importado ainda ficou acima do registrado no mercado disponível brasileiro. Em dólar, o preço médio do importado foi de US$ 228,93/tonelada e, em moeda nacional de R$ 865,36/t (FOB, Free on Board origem), considerando-se o câmbio a R$ 3,78 em julho. Ao adicionar os custos logísticos e despesas portuárias, a média do trigo importado supera a nacional, fator de sustentação aos preços internos. Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: Diárias de Mercado
Comentários Facebook
Veja Também  CITROS/CEPEA: Mesmo com baixa oferta, preços da tahiti recuam

Diárias de Mercado

TRIGO/CEPEA: Com possível menor oferta, preços se recuperam no Brasil

Publicado

Cepea, 20/08/2019 – Os valores internos do trigo têm subido com certa força em algumas praças acompanhadas pelo Cepea, influenciados pela possível menor oferta nesta safra – no Sul do País, agentes já confirmam quebra de produção. Esse contexto somado à recente valorização do dólar e a indefinições políticas na Argentina deixam demandantes nacionais cautelosos. Por outro lado, no mercado internacional, os preços estão em queda, com as menores cotações praticadas em países concorrentes, como Argentina, Austrália e União Europeia. Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: Diárias de Mercado
Comentários Facebook
Veja Também  ETANOL/CEPEA: Após altas por mais de um mês, preços se estabilizam em SP
Continue lendo

Diárias de Mercado

MELANCIA/CEPEA: Preços sobem pela 3ª semana seguida

Publicado

Cepea, 20/08/2019 – As cotações da melancia registraram forte alta na roça na semana passada (de 12 a 16/08), tanto em Lagoa da Confusão (TO) quanto em Uruana (GO). Segundo colaboradores do Hortifrúti/Cepea, a oferta ainda muito restrita em ambas as praças tem influenciado no aumento dos preços, que ocorreu pela terceira semana consecutiva. No Tocantins, a graúda (>12 kg) foi cotada a R$ 0,80/kg, elevação de 46,4% frente à semana anterior e, em Goiás, a fruta teve média R$ 0,90/kg, valor 45,3% superior no mesmo comparativo. Além do baixo volume, que já era esperado, alguns focos de virose reduziram ainda mais a quantidade disponível. Fonte: Cepea/Hortifruti – www.hfbrasil.org.br

Fonte: Diárias de Mercado
Comentários Facebook
Veja Também  MILHO/CEPEA: Queda externa pressiona cotações nos portos brasileiros
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana