conecte-se conosco


''TRAGÉDIA NO AR''

Em defesa de filha, mulher mata padrasto ciumento com pauladas na cabeça; juiz considera legítima defesa

Publicado

FONTE: RAFAEL MEDEIROS | O BOM DA NOTÍCIA

Uma mulher, identificada pelas iniciais K.N.M. 40 anos, matou na manhã de domingo (11) o próprio marido, José Carlos de 45 anos, durante uma briga, com pauladas na cabeça. A ocorrência foi registrada em Barra do Garças (a 509 km de Cuiabá).

Segundo a Polícia Civil, que passou a investigar o caso, a vítima não aceitava o namoro da enteada, uma jovem de 18 anos. Conta no boletim de ocorrência, que uma denúncia chegou via Ciosp 190 que relatava uma tentativa de estupro. Porém, quando os PMs chegaram, os militares encontraram José agonizando em cima da cama com uma lesão na cabeça.

À polícia, a mulher contou que durante a madrugada ela e o marido tiveram uma briga. Ele não aceitava o fato da enteada, de 18 anos, namorar.

À jovem contou que o padrasto não a deixa se relacionar com ninguém. Já ocorreram outras brigas pelo mesmo motivo contou a garota.

Desta vez, durante a briga, o homem tentou agredir a mulher e ainda ameaçou atear fogo na casa. Para se defender, a mãe da garota, foi para cima do homem e desferiu pauladas na cabeça dele.

Veja Também  Mãe vai tomar banho de rio com filhos e encontra dois corpos em mata

Ele teve ferimentos profundos, não resistiu e morreu no local.

A suspeita foi presa em flagrante e encaminhada para a delegacia.

Custódia 

Ontem mesmo, domingo (11),  teve a audiência de custódia no Fórum da cidade e após ouvir o relato da mulher, o juíz de direito decidiu soltá-la aceitando inicialmente a alegação de legítima defesa.

Comentários Facebook

''TRAGÉDIA NO AR''

Filho de 18 anos matou o pai para ficar com caminhonete em MT

Publicado

Um jovem de 18 anos foi preso nessa sexta-feira (20), em Sinop, a 503 km de Cuiabá, suspeito de envolvimento na morte do próprio pai durante uma simulação de assalto, no dia 26 de agosto deste ano. O filho teria entrado na casa junto com pelo menos outros dois criminosos, simulando um assalto. Os criminosos entraram no quarto onde o construtor João Bento Espíndola, de 44 anos, dormia com a mulher, que é mãe do suspeito, e um deles atirou na cabeça da vítima.

O morador chegou a ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros, mas acabou morrendo.De acordo com o delegado da Delegacia Especializada em Roubos e Furtos (Derf), Ugo Mendonça, além do casal, outro filho estava presente na casa. Ele e a mulher não se feriram.Os criminosos levaram uma caminhonete que pertencia a João Bento e obrigaram esse outro filho, que não tem participação no crime e já estava na casa, a dirigir o veículo.

Depois de percorrer alguns quilômetros, os criminosos liberaram a vítima em outro bairro da cidade e abandonaram a caminhonete em outro lugar.Ainda não se sabe qual teria sido a motivação do crime.O caso continua sendo investigado e a polícia ainda está em busca dos outros suspeitos.

Veja Também  Criança morre afogada na piscina de casa em , Várzea Grande
Comentários Facebook
Continue lendo

''TRAGÉDIA NO AR''

Ladrão que PM matou era violento e roubou carro de pastora

Publicado

Regielton Arruda Luiz da Silva, de 20 anos, conhecido como Fumacinha, morto após trocar tiros com a Força Tática da Polícia Militar na ponte Sérgio Mota nesta quinta-feira (19), tinha um histórico vasto criminal.  Ele possuía mais de 10 passagens e agia com “extrema violência” nos roubos que praticava.  De acordo com o coronel Marcos Sovinski, Comandante no 2º Comando Regional da Polícia Militar, Fumacinha foi preso na semana passada após roubar um carro na Beira Rio. Com 20 anos, já colecionava passagens por tráfico de drogas, porte ilegal de arma, roubo e furto.Nesta quinta-feira, ele e o comparsa, identificado como Renato Alves de Bessa, renderam uma pastora na Avenida Beira Rio e roubaram a caminhonete dela.

Em seguida, fugiram sentido a ponte Sérgio Mota, que liga Cuiabá a Várzea Grande. O tiroteio ocorreu quando os criminosos fugiam da abordagem da Força Tática. Fumacinha foi baleado e morreu na unidade de saúde. Nas diligências, a Polícia Militar localizou um veículo branco no bairro Jardim das Oliveiras. Dentro, havia roupas pretas e masculinas. O carro [e suspeito de dar apoio a ação da dupla. O comparsa Renato foi preso e levado para Cisc Parque do Lago. O caso deve ser repassado a Polícia Civil que vai apurar o envolvimento de outros suspeitos.

Comentários Facebook
Veja Também  Menina morre afogada em piscina em Várzea Grande; tia acha corpo
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana