conecte-se conosco


PRISÃO

Delegado fala sobre prisões por tráfico no Novo Estado em VG

Avatar

Publicado

O delegado doutor Vitor Hugo Teixeira, titular da Delegacia de Repressão a Entorpecentes de Cuiabá falou sobre a prisão de dois homens suspeitos de tráfico de drogas no Novo Estado em Várzea Grande.

Segundo a investigação Tércio Leite abriu uma empresa de reciclagem que na verdade seria fachada para o tráfico de drogas.

“Em fevereiro ele foi preso traficando no mês o lugar e usando um irmão dele para levar drogas aos usuários, desta vez encontramos drogas novamente e outro irmão dele traficando no local”, destacou o delegado.

A dupla foi levada para a delegacia, onde prestam depoimentos, antes de serem encaminhados para audiências de custódia.

Comentários Facebook

PRISÃO

Digital influencer de Poconé que ostenta arma, carros de luxo e maços de dinheiro é solto e zomba da polícia

Avatar

Publicado

POR RAFAEL MEDEIROS | O BOM DA NOTÍCIA

O digital influencer Wagner Wilton do Carmo, popularmente conhecido como “Dom Wagner” ou “o Homem do pacote”, foi alvo de busca e apreensão na manhã desta sexta-feira (2), em Poconé (a 104 km de Cuiabá). Em uma das redes sociais o suspeito tem mais de 19 mil seguidores.

A residência de “Dom Wagner foi alvo da polícia, logo nas primeiras horas do dia, após ele publicar um vídeo em suas redes sociais, onde o mostra  emprestando uma arma de fogo, para Eduardo Felipe do Carmo, morador de Cuiabá que está ao seu lado em uma festa.

O ‘homem do pacote’ foi solto poucas horas depois. Em um áudio enviado à reportagem, Wagner zomba dos policiais. “Desculpa aí meus queridos, eles não aguentam ver o ‘pretão’ aqui de hilux […] não fica com raiva de mim não, meu biririco. Agora esses policinhas querendo me prender logo na sexta-feira […] passar bens, já estou na rua”, comemora ‘Dom’.

No vídeo que levou a prisão, Eduardo está de camiseta amarela e bermuda, com um revólver no colo, arma essa que foi apreendida esta manhã.  Em sua mania de ostentar, “o rei do pacote”, limpa o rosto com um “lenço”, feito com um bolo de notas de R$ 100,00.  Dom Wagner gravava e publicava diariamente vídeos ostentando maços de dinheiro e mostrando as festas luxuosas e carros importados em sua propriedade.

Os policiais com a ordem judicial em mãos, foram à casa de Wagner e apreenderam um revólver e o celular do suspeito. Em um vídeo, também divulgado a imprensa, o delegado João Eduardo Sampaio de Alencar – com a arma apreendida em mãos – manda recado, revelando que ‘essa cidade aqui tem lei, ou é polícia ou cidadão de bem. Vagabundo não anda com isso [arma]. Tá dado o recado.

‘Dom’ foi levado para a delegacia de Poconé. Ele foi autuado por porte ilegal de arma de fogo e será investigado.  A prisão dele foi comemorada na cidade. Inclusive, fogos de artifícios foram soltados em frente a delegacia da cidade.

A Polícia Civil continua as investigações para descobrir como e onde ‘Dom’ conseguia tanto dinheiro, já que não possui emprego nem formação.

O Bom da Notícia tenta contato com a defesa do suspeito.

 

 

URGENTE NESTE MOMENTO POLÍCIA CIVIL PRENDE DOM VAGNER FIGURA CONHECIDA EM POCONÉ

Segundo as primeiras informações. Policiais civis prenderam na manhã desta sexta-feira (02) uma das figuras mais famosas e polêmicas de Poconé: “Dom Wagner”. Ele é um digital influencer, conhecido por sua ostentação nas redes sociais e pelo bordão “passar bens”. Também é chamado de “O Rei do Pacote”.

“Dom Wagner” foi detido por porte ilegal de arma de fogo. Policiais descobriram a arma num dos vídeos ostentação em que ele aparece rodeado por amigos. No mesmo vídeo, ele ainda tira o suor da testa com um maço de dinheiro. “Quem está com dinheiro ‘é nós’. Passar bem”, finalizou no vídeo.

O site lapada está aguardando informações oficiais da polícia.

Mais informações em instantes…

DOM VAGNER É CONHECIDO POR VÁRIOS VIDEOS QUE POSTA NAS REDES SOCIAIS

Comentários Facebook
Continue lendo

PRISÃO

Acusado de estupro de vulnerável tem prisão cumprida em Poconé

Avatar

Publicado

Um homem acusado de estupro de vulnerável teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil de Poconé (104 km ao Sul), nesta segunda-feira (20.05), após ser localizado no município.

O suspeito, Glaciano Gomes da Silva, 31, estava com a ordem de prisão preventiva decretada pela Quarta Vara Criminal de Várzea Grande, acusado de abusar sexualmente da sobrinha.

A prisão do foragido ocorreu após os investigadores da Delegacia de Poconé receberem informações sobre o seu paradeiro, sendo a dado cumprimento a ordem judicial contra o suspeito, durante diligências na cidade.

Após tomadas as providências de praxe, o preso foi encaminhado a audiência de custódia, ficando a disposição da Justiça.

Comentários Facebook
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana