conecte-se conosco


Policial

Três são flagrados no comércio de drogas em Colíder

Avatar

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Dois homens e uma mulher foram presos por tráfico de drogas no município de Colíder (650 km do Norte). O flagrante foi efetuado pela Polícia Judiciária Civil, nesta sexta-feira (19.07).

Além das prisões, a ação resultou na apreensão de quase R$ 2 mil, em dinheiro, proveniente da venda de entorpecente e porções de maconha. Os suspeitos A.F.V, , 22, B.C.R., 24, e a mulher K.T. P.V., 19, foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas.

Os dois rapazes tem em condenações, sendo B.C.R., um por tráfico de drogas e A.F.V, por roubo majorado.

Os suspeitos foram surpreendidos pelos policiais civis em uma casa no bairro Jardim Alegre. O endereço foi descoberto pelos investigadores, durante diligências na região para identificar locais conhecido como “boca de fumo”.

Após indícios de traficância, a equipe da delegacia passou a monitorar a residência, logrando êxito em surpreender o trio nesta manha de sexta-feira (19).

Na casa foram apreendidos mais de R$ 1,9 mil em dinheiro, três porções de maconha, aparelhos celulares, e uma agenda com anotações do tráfico praticado pelos suspeitos.

Veja Também  Polícias Civil e Militar cumprem 17 mandados contra facção criminosa em Juína

Os conduzidos foram interrogados pelo delegado de Colíder, Ruy Guilherme Peral da Silva, e autuados em flagrante por tráfico e associação para o tráfico de drogas.

Após a confecção dos autos, os presos foram colocados à disposição da Justiça.

 

 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook

Policial

Polícia Civil deflagra operação contra grupo envolvido na venda de drogas modalidade delivery

Avatar

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), da Polícia Judiciária Civil, deflagrou na manhã desta quarta-feira (11.12), a operação “Deliveryman”, com objetivo de dar cumprimento a 24 ordens judiciais, entre mandados de busca e apreensão e de prisão, relacionados à venda de drogas, na modalidade “disque entrega”.

Os mandados judiciais, sendo oito ordens de prisão e 16 de busca e apreensão, foram expedidos pela 13ª Vara Especializada de Delitos Tóxicos de Cuiabá e são cumpridos nas cidades de Cuiabá e Várzea Grande, visando à desarticulação do grupo envolvido com o esquema.

Além dos mandados, foi pedido pelo bloqueio judicial de mais de R$ 50 mil das contas dos investigados e o trabalho de buscas visa à apreensão de bens adquiridos com atividade ilícita.

A ação conta com a participação de 64 policiais civis da DRE, Gerência Estadual de Polinter e Capturas (Gepol) e Gerência de Operações Especiais (GOE).

As investigações iniciaram no mês de junho deste ano, após análise de denúncias sobre a comercialização de entorpecentes em sistema “delivery”, quando o usuário solicita a substância por telefone e recebe no local combinado para entrega.

Veja Também  Campanha Natal Solidário arrecada donativos para Pastoral do Migrante de Cuiabá e para ONG de proteção aos animais

Durante as investigações, foi constatada a intensa comercialização de drogas nessa modalidade, demonstrando que as entregas eram realizadas nos arredores de escolas, faculdades, bairros de classe média-alta, condomínios de luxo, Centro Político Administrativo, motéis, restaurantes, entre outros locais. 

Aos interessados, mais informações e imagens serão passadas pelos delegados, Vitor Hugo Bruzulato Teixeira e Wilson Cibusky,  às 9 horas, na DRE, no endereço Rua Havana, nº 215 – Bairro Jardim das Américas – Região Leste Cuiabá/MT.

 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Assaltante de banco procurado em três estados tem prisão cumprida

Avatar

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um dos maiores assaltantes de banco, na modalidade “Sapatinho”, teve o mandado de prisão cumprido, na terça-feira (10.12), em trabalho realizado por Força Tarefa de três estados: Delegacia Especializada de Polinter e Capturas, Delegacia Regional de Confresa, da Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso, Polícia Civil de Tocantins e Polícia Militar do Pará.

O suspeito, Valdivino Pinheiro Junior, possui extensa ficha criminal nos estados de Tocantins e Pará, principais locais onde atua, sendo um dos assaltantes mais procurado nas regiões.

Segundo as investigações, o suspeito também foi responsável pelo roubo na modalidade “sapatinho”, ocorrido no último dia 26 de outubro, no município de Confresa. Na ocasião, ele e seus comparsas fizeram a família do gerente refém para subtrair valores da agência bancária. As vítimas foram liberadas logo após a consumação do roubo.

Com base na troca de informações entre as forças de segurança, o procurado foi localizado e preso em uma residência no município de Xinguara (PA). De acordo com as apurações, o suspeito passava a noite em residência diversa da que morava, que era utilizada como ponto de apoio para não ser preso.

Veja Também  Polícia Civil cumpre prisão de mais um alvo da operação Deliveryman

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana