conecte-se conosco


Cuiabá

Salvar o Rio Cuiabá depende de esforço conjunto, afirma Pinheiro

Avatar

Publicado

Luiz Alves

Aproximadamente 10 toneladas de lixo devem ser retiradas por mês do Rio Cuiabá. Essa é a estimativa da Prefeitura de Cuiabá a partir da implantação do serviço de coleta fluvial, lançado nesta segunda-feira (24).

Por meio Balsa Ecológica, a equipe de operação percorrerá o trecho, definido entre a Ponte Nova até o São Gonçalo Beira Rio, recolhendo diariamente todo tipo de material encontrado nas margens do rio.

“Salvar o Rio Cuiabá depende de um esforço em conjunto e essa etapa é fruto de um grande planejamento para a preservação do nosso maior patrimônio natural. É um processo que começou com investimento emergencial de R$ 228 milhões em saneamento básico, que estamos fazendo. Posteriormente, iniciamos a implantação das lixeiras subterrâneas. Melhoramos as condições da coleta domiciliar, com a entrega de 25 novos caminhões, que já estão atuando na cidade”, explica o perfeito Emanuel Pinheiro.

A quarta etapa é a partir da coleta fluvial. A balsa possui 7.20 metros de comprimento, 3 metros de largura e laterais com 1.10 metro de altura, com tela de uma polegada. Além disso, o piso é construído com chapa de aço e forrado com borrachão, garantindo a segurança aos coletores. A coleta será realizada por uma equipe formada por três servidores. De acordo com prefeito, a embarcação também será utilizada para o desenvolvimento de atividades ambientais educativas.

“Além do fator limpeza, essa balsa exercerá esse papel pedagógico. Quero sempre apresentar para a sociedade aquilo que é jogado indevidamente no rio e que estamos recolhendo. Infelizmente, em nossas ações retiramos televisores, cadeiras, sofás e outros tipos de materiais que são despejados no Rio Cuiabá. Não adianta somente cobrar da Prefeitura à limpeza e continuar jogando lixo de forma irregular”, enfatiza Pinheiro.

Conforme o secretário de Serviços Urbanos, José Roberto Stopa, será feito um trabalho de parceria com a Secretaria de Educação, visando alcançar, prioritariamente, alunos das unidades municipais de ensino. Foi pensando dessa forma que milhares de crianças participaram da solenidade de lançamento da Balsa Ecológica.

“Todos nós devemos fazer a nossa parte, pois se isso não for feito de forma espontânea,0 teremos de fazer futuramente pela dor. Já desenvolvemos um trabalho de educação ambiental com nossas crianças e pretendemos ampliar esse trabalho. Vamos montar uma programação que ajude as crianças a se interessarem pela preservação do nosso meio ambiente”, comenta Stopa.

Para o diretor de Resíduos Sólidos, Anderson Matos, a entrega da Balsa Ecológica vem ao encontro das dezenas de ações de o Município já executa. “É mais uma atividade que vem para nos ajudar no trabalho de limpeza da cidade. Temos como grandes exemplo de sucesso o Mutirão de Limpeza e o Cata-treco, que foram experiências pioneiras, e agora a Prefeitura amplia esse conjunto de ações com a coleta fluvial”, pontua.

A chegada da Balsa Ecológica integra as medidas exigidas no processo licitatório, finalizado em 2018, que resultou na assinatura de contrato com a Locar Gestão de Resíduos. Apesar do novo modelo de contrato estabelecer o pagamento mensal pela quantidade de resíduos coletados e não mais pelos maquinários disponibilizados, o Município tomou todas as providências necessárias para assegurar a chegada do equipamento.

A solenidade contou com a presença do deputado federal Emanuel Pinheiro Neto, do ex-deputado estadual João Malheiros, do presidente da Câmara Municipal, Misael Galvão, dos vereadores Adevair Cabral, Marcos Veloso, Dr. Xavier, Mario Nadaf, Orivaldo da Farmácia, Adilson da Levante, secretários municipais e lideranças de bairros. 

Fonte: Prefeitura de Cuiabá
Comentários Facebook

Cuiabá

Criação da Ouvidoria da Educação é abordada na Semana Pedagógica

Avatar

Publicado

Jorge Pinho

Durante a Semana Pedagógica da Escola Cuiabana 2020, evento que está reunindo professores, gestores e técnicos da Educação, no Hotel Fazenda Mato Grosso, uma das novidades apresentadas aos profissionais foi a criação da Ouvidoria da Educação. A iniciativa do prefeito Emanuel Pinheiro foi colocada em prática sob a coordenação do secretário de Educação, Alex Vieira Passos.

Toda a grande estrutura da Educação, que engloba 164 unidades educacionais, cerca de 10 mil servidores (só na ativa), aproximadamente 53 mil alunos e mais de 30 mil famílias, tem agora um canal direto com o órgão central e um fluxo mais eficiente de tratamento das informações.

“É inadmissível ter qualquer tipo de improviso diante de um universo tão grande de pessoas que são atendidas diretamente pela Secretaria de Educação, ou atuam no órgão”, afirmou a professora Lucilene Lescano, assessora da Coordenadoria de Gestão e Legislação, ligada à Diretoria de Ensino, e uma das responsáveis pela instalação da Ouvidoria da Educação.

Esse pensamento é compartilhado por Ângelo Valentim, coordenador de Avaliação Institucional da Diretoria de Planejamento e integrante da equipe que implantou a Ouvidoria. “A sociedade passa a ter um canal, por meio do 0800 647 0131, para reclamações, elogios e sugestões, além de um espaço para que as ideias sejam ouvidas, os conflitos superados e as questões atendidas”.

O secretário de Educação, Alex Vieira Passos, disse que a Ouvidoria é um órgão de apoio estratégico, especializado, além de eficaz na mediação e na busca de soluções de conflitos e um eficiente agente promotor de mudanças.

“Atenta aos princípios constitucionais da legalidade, moralidade, impessoalidade e eficiência, a Ouvidoria é um canal de comunicação imparcial e independente, cuja principal atribuição é defender os direitos individuais e coletivos, além de contribuir para a prática da boa governança corporativa. É por meio das manifestações gerenciais e sugestões que ocorre o aprimoramento das rotinas e processos de trabalho, além da qualidade dos serviços prestados aos usuários”, salientou. 

FUNÇÃO DA OUVIDORIA

A Ouvidoria foi implementada para atender o cidadão, toda a sociedade cuiabana, bem como o servidor da Educação. O objetivo é criar uma cultura de coleta de dados interligados que serão tabulados mensalmente e servirão de base para implementar melhorias na Educação do Município.

Além disso, os pais ganharam um canal que tem um compromisso de resposta, uma comunicação devolutiva via telefone ou mensagem. É importante lembrar também que a Ouvidoria Geral da Prefeitura continua funcionando e os assuntos que sejam pertinentes a outras pastas, serão encaminhados aos setores competentes.

SERVIÇO

Ouvidoria da Educação

0800 647 0131

Horário de atendimento – das 8h às 12h e das 14h às 18h, de segunda a sexta-feira (exceto nos feriados e pontos facultativos)

 

Fonte: Prefeitura de Cuiabá
Comentários Facebook
Continue lendo

Cuiabá

Cuiabá credencia laboratórios via Ministério da Saúde e passa a ofertar mais de 800 próteses dentárias por mês

Avatar

Publicado

Assessoria SMS

A Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá – SMS – credenciou via Ministério da Saúde dois novos laboratórios para dar celeridade ao serviço de confecção de próteses dentária aos usuários do Sistema Único de Saúde – SUS. O trâmite que habilitou as empresas Dente Fácil Odontologia e Laboratório Rubens de Prótese Dentária aconteceram via chamamento público.  

De acordo com o secretário de Saúde, Luiz Antonio Pôssas de Carvalho com os novos prestadores que trabalharão de acordo com a tabela SUS, além da celeridade Cuiabá amplia a oferta do serviço.

“Na série histórica saímos de 400 próteses em 2018, 500 em 2019 para 800 próteses por mês em 2020. Ou seja, estamos dobrandos o serviço ofertado de prótese durante a gestão Emanuel Pinheiro. Isso representa um ganho real na qualidade, agilidade e humanização para quem precisa voltar a sorrir”, frisou Pôssas.

De acordo com o diretor de Saúde Bucal da SMS, Wevertor Raider outro fator que terá impacto segundo a perspectiva da Secretaria é o tempo de espera para a confecção da prótese.

“Cada laboratório atenderá as regionais definidas pela gestão de forma a aperfeiçoar a prestação de serviço nas clínicas odontológicas Jardim Leblon, CPA III e Coxipó, nos CEOs – Centro de Especialidades Odontológicas e nas 27 unidades de Saúde da Família que, após reformadas pela gestão, receberão salas odontológicas. Dessa forma, o tempo de espera que tinha em média 90 dias, passa a ser no máximo 40 dias”, completou Raider.

Para o sucesso no atendimento dos que já aguardam na fila de espera, a Secretaria de Saúde orienta que os pacientes busquem as clínicas odontológicas onde o tratamento está sendo realizado para atualização de cadastro. Já os que desejarem iniciar o atendimento, devem se dirigir até a unidade odontológica mais próxima de sua residência para a primeira consulta.

Fonte: Prefeitura de Cuiabá
Comentários Facebook
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana