conecte-se conosco


''SALVE''

Membro do Comando Vermelho manda matar presidiário que tinha caso com a mulher dele

Publicado

A Polícia Civil, através da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), cumpriu nesta terça-feira (18.06), o mandado de prisão temporária contra Meykson Campos de Oliveira, 31. O suspeito teve o envolvimento identificado no homicídio que vitimou, Aleson Alex de Souza, no ano de 2013, no Centro de Ressocialização do Estado, onde na época, vítima estava detida. O crime ocorreu durante a madrugada de 30 de setembro de 2013, na “Ala M”, do presídio.

Na ocasião, a vítima foi obrigada a ingerir uma bebida conhecida como “Gatorade”, feita a base de cocaína e medicamentos. Segundo as investigações, o crime foi motivado pelo fato de a vítima ter se envolvido com a mulher de um faccionado, sendo assim decretada a sua morte.

Durante as investigações, foi descoberto que o suspeito é integrante da facção criminosa, assim como o seu envolvimento no crime. Diante das evidências, foi representado pelo mandado de prisão do investigado, cumprido nesta terça-feira (18), pelos policiais da DHPP.

Pela participação no homicídio também foram presos outros faccionados, Isaias Duarte, o “Caverninha”, Adreliano Arruda da Silva, o “Dedé”, Edson Marques Soares, o “Edinho”, “Cazuza”, ou “Careca”, Adriano Carlos da Silva, o “Fusca”, Jonny ou Johny da Costa Melo, conhecido como “Morte”, Leonardo Flávio de Souza, o “Bocão” e Elias Rodrigo Rodrigues Jacinto, conhecido como “Primata”.

Comentários Facebook
Veja Também  Reeducandos de Lucas do Rio Verde farão manutenção de viaturas e carros oficiais

''Perdeu a cabeça"

‘Vítima de salve’ do CV aparece morto em lixão em Cuiabá; surrado e torturado

Publicado

FONTE: RAFAEL MEDEIROS | O BOM DA NOTÍCIA

Wysley de Oliveira Peixoto, 40 anos, foi espancado até a morte e desovado em uma área de lixão, na avenida Doutor Meirelles, região do assentamento 21 de Abril, em Cuiabá. O corpo encontrado por volta das 7h30 de quarta-feira (14), estava com as bermudas arriadas, tinha sinais de espancamentos crueis e tortura. Segundo a Polícia Civil, a vítima teria sido alvo de “salve” da facção criminosa Comando Vermelho.

O padrasto da vítima disse aos policiais que a morte de Wysley já tinha sido anunciada. O jovem era usuário de drogas e praticava furtos e roubos na região para sustentar o vício. Conta o padrasto, que Wysley foi alertado por membros da facção que se insistisse em continuar praticando crimes pequenos no bairro seria alvo de um corretivo.

A delegada Jannira Laranjeira, acompanharam perícia no local e não encontrou nenhum material que poderia ter provocado a morte. A suspeita é que a vítima tenha sido executada em outro ponto e os criminosos apenas “desovaram” o cadáver na área de lixão. O caso segue sendo investigado.

Comentários Facebook
Veja Também  Ramba se alimenta de folhagem no 1° dia no Santuário de Elefantes em Chapada dos Guimarães
Continue lendo

''SALVE''

Homem chora após ser preso por incitar ataque contra policiais; áudio e vídeos

Publicado

 

Samuel de Souza Valdivino, 30 anos, foi preso, na tarde da última terça-feira (13), no bairro Vida Nova, em Lucas do Rio Verde (332 quilômetros de Cuiabá). Ele é acusado de incitar uma série de ataques contra agentes de segurança pública da cidade e foi pego, em flagrante, traficando drogas. Após ser preso, o homem chorou. A ação fez parte da ‘Operação Combate’ da Polícia Civil e Militar.

Segundo as informações do boletim de ocorrências, equipes das polícias Civil e Militar receberam denúncias, há um mês, apontado que o suspeito estava traficando drogas. Depois, as autoridades receberam um áudio enviado por Samuel, onde ele convoca integrando do Comando Vermelho (CV) para atentar contra a vida dos agentes de segurança pública.

“Tem que oprimir mesmo a polícia, socar bala nessa polícia. Família do grupo aí ó CV, aqui é Samuel de Lucas do Rio Verde. Tem que juntar os armamentos, tudo dois, passa nada”, disse no áudio, que foi encaminhado em um dos grupos da facção.

Veja Também  Em Várzea Grande bandidos roubam 16 carros em revenda

Os policiais então foram até a região da residência do suspeito e visualizaram Samuel vendendo drogas. Ele foi detido em flagrante, junto com dois usuários que estavam realizando a compra do entorpecente. Após uma busca, foram localizadas diversas porções.

Questionado sobre o áudio, Samuel confirmou que foi ele quem enviou. Ele já foi alvo de outras investigações e tem um vasto histórico criminal. Ele não permitiu que os policiais tivessem acesso a seu aparelho celular.

Comentários Facebook
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana