conecte-se conosco


Internacional

Apenas 9% das doações prometidas para Notre-Dame foram repassadas

Publicado

Menos de um décimo das centenas de milhões de euros prometidas para ajudar a reconstruir a Catedral de Notre-Dame, em Paris, foi efetivamente doado, informou o Ministério da Cultura francês nesta sexta-feira (14).

Segundo a pasta, apenas 9% dos € 850 milhões anunciados se materializaram dois meses após o incêndio, embora as autoridades esperem que o montante total seja alcançado.

O dinheiro que efetivamente chegou – cerca de € 80 milhões de euros – veio de pequenas somas doadas por cidadãos comuns e não por bilionários que fizeram anúncios públicos sobre grandes doações, afirmou o ministro da Cultura, Franck Riester.

O incêndio que destruiu parte do telhado da catedral em 15 de abril provocou uma onda de solidariedade na França, com a multiplicação de promessas de doações – de pessoas físicas e jurídicas.

Dois dos homens mais ricos da França, os magnatas da moda Bernard Arnault (controlador da Louis Vuitton) e François-Henri Pinault (Gucci, Yves Saint Laurent, Balenciaga, entre outras marcas), prometeram € 300 milhões de euros. Já a família Bettencourt, dona da gigante de cosméticos L’Oréal, disse que doaria € 200 milhões de euros.

Veja Também  OIT adota nova convenção contra assédio e violência no trabalho

No mês passado, o arcebispo de Paris, Michel Aupetit, expressou preocupações sobre as promessas, dizendo que “a maior parte dessas doações ainda não se materializou”.

Já o ministro Riester tentou explicar o contraste entre as promessas e as doações realmente cumpridas. Segundo ele, isso se deve a dois fatores: “Primeiro, há pessoas que prometem doar e que não doam […], mas, acima de tudo – e isso é normal –, as doações serão pagas em função do andamento das obras”, argumentou o francês.

O ministro ainda enfatizou que os maiores doadores desejam saber quando e como seu dinheiro será gasto antes de enviarem as quantias.

O trabalho para escorar o edifício do século 12 ainda deve levar várias semanas antes que os complexos estudos sobre o trabalho de restauração possam ser realizados. Em paralelo, a investigação judicial está em andamento para determinar as causas do incidente, atribuído a um curto-circuito.

Riester fez os comentários na véspera da primeira missa a ser realizada na catedral depois do incêndio. Apenas 30 pessoas serão admitidas na Notre-Dame para a missa deste sábado, que será transmitida ao vivo pelo canal católico de TV KTO. O arcebispo Michel Aupetit liderará a celebração na Capela da Virgem, no lado leste da catedral, que foi confirmada como segura.

Edição: Denise Griesinger
Fonte: EBC
Comentários Facebook

Internacional

Crianças migrantes são transferidas do centro na fronteira com México

Publicado

Mais de 200 crianças migrantes detidas em uma remota estação de Patrulha de Fronteira, no sudoeste do Texas, sem alimentação adequada, água e saneamento foram removidas depois que as notícias sobre as condições se tornaram públicas na semana passada.

“Hoje de manhã, meu escritório foi informado de que apenas 30 crianças permanecem na estação de Patrulha da Fronteira de Clint, no condado de El Paso”, disse a deputada Verônica Escobar na segunda-feira. Ela disse que na semana passada os advogados da Human Rights Watch haviam “encontrado 255 crianças em condições alarmantes”.

Um professor de direito que visitou recentemente a instalação, Warren Binford, da Willamette University, descreveu as condições para as crianças em uma entrevista com Lulu Garcia Navarro, da NPR.

“Muitos deles estão dormindo em pisos de concreto, incluindo bebês, crianças pequenas, pré-escolares. Eles não recebem nada além de refeições instantâneas, Kool-Aid e biscoitos – muitos deles estão doentes”, disse.são
_______________

Edição: José Romildo
Fonte: EBC
Comentários Facebook
Veja Também  Uruguai vai vender águia nazista de navio alemão da Segunda Guerra
Continue lendo

Internacional

Papa Francisco vai visitar o Japão em novembro

Publicado

O papa Francisco vai realizar uma visita de quatro dias ao Japão em novembro. Esta será a primeira vinda de um sumo pontífice ao país desde João Paulo 2º em 1981.

Francisco deve desembarcar em Tóquio no dia 23 de novembro. No dia seguinte, ele visitará as cidades de Nagasaki e Hiroshima. Em Nagasaki, o papa vai rezar na Catedral Urakami, que foi reconstruída depois do bombardeio atômico sobre a cidade em 1945. Em Hiroshima, ele vai homenagear as vítimas dos bombardeios atômicos no Museu Memorial da Paz.

No dia 25 de novembro, Francisco deve se encontrar com o imperador Naruhito e o primeiro-ministro Shinzo Abe, em Tóquio, antes de celebrar uma missa no estádio Tokyo Dome.

As atenções estão voltadas para as possíveis mensagens antinucleares que o sumo pontífice transmitirá nas cidades atingidas pelos bombardeios atômicos.

Edição: José Romildo
Fonte: EBC
Comentários Facebook
Veja Também  Briga doméstica agita disputa pelo governo britânico
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana