conecte-se conosco


Mulher

Depressão pós-parto fez mãe pensar que uma filha poderia matar a outra

Publicado

Milli Richards, 35 anos, decidiu falar abertamente sobre a depressão pós-parto durante um evento britânico de conscientização sobre saúde mental para ajudar outras mulheres que estão na mesma situação.

Leia também: Insegurança, pensamentos ruins e ansiedade: dramas das mães de primeira viagem


Mãe e bebê
Reprodução/Facebook
Milli Richards, 35 anos, enfrentou a depressão pós-parto quando sua filha mais nova nasceu em 2018

Após o nascimento da sua segunda filha, em março de 2018, Milli precisou enfrentar uma depressão pós-parto
severa. Mãe de outra garotinha, Aida, três anos, a britânica começou a temer que sua filha pudesse fazer algum mal para o bebê. Ela também chegou a pensar que estranhos raptariam a sua filha ou até mesmo que ela faria algum mal às meninas.

Leia também: Mãe se arrepende do segundo filho e quer colocá-lo para adoção

“Após Winnie nascer, comecei a ter pensamentos aterrorizantes sobre todas as coisas terríveis que poderiam acontecer com elas, incluindo que eu mesma agia de maneira horrível”, relata. “Fiquei com medo de que Aida matasse Winnie com uma das facas de casa”, completa.

Veja Também  Ter sobrancelhas descoloridas é nova tendência de beleza; veja como usar

Em entrevista ao jornal “Daily Mail”
, a mãe fala que a depressão sempre foi presente na sua vida, mas que após o nascimento da segunda filha agravou e ela decidiu procurar ajuda psicológica
para lidar com o transtorno mental
.

Leia também: Como evitar a ansiedade e lidar com os momentos de crise

Um mês após o nascimento da filha, um psiquiatra a diagnosticou com depressão pós-parto
. Aos poucos, Milli começou a melhorar e hoje fala sobre o assunto para que outras pessoas também consigam se curar. “Todos nós precisamos conversar mais sobre depressão e outros problemas de saúde mental e sermos mais abertos com esses temas”, diz.

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook

Mulher

Planejamento de recepções em casa: dicas práticas para receber os amigos

Publicado

Vai receber amigos em casa e não sabe por onde começar?  O que servir, como organizar? Essas são algumas das dúvidas mais comuns daqueles que se dispoem  a abrir sua casa para receber pessoas queridas. Com planejamento prévio e seguindo algumas dicas funcionais, a tarefa de organizar mini recepções em casa se torna prática e muito prazerosa. 

Leia também: Saiba como montar uma mesa temática de festa junina de forma criativa e simples

mesa de jantar
Divulgação
Saiba como organizar a mesa e outras dicas práticas para receber os amigos em casa – e com muito charme

1) Por que receber?

 A primeira pergunta diz respeito ao motivo da sua recepção em casa . Será a comemoração de um aniversário, bodas de casamento, almoço de Páscoa, jantar na noite de Natal? 

O motivo pelo qual você organizará a recepção em sua casa ditará todos os detalhes da ocasião, seja decoração, comidinhas a serem servidas, convidados, etc.. 

Seja qual for  o motivo da reunião dos amigos e familiares em casa, você como anfitrão (ã) deve ter o cuidado de faze-los se sentir bem vindos ao seu lar. 

Segundo Claudia Matarazzo: “ o que torna determinadas reuniões inesqueciveis é a química entre as pessoas. E, em momentos como esses, nada influencia mais os convidados do que sentir do dono da casa o prazer em receber. […] Deixe para exercer o “papel” de anfitriã durante toda a fase de organização. Mas, ao abrir sua casa, abra também o coração e tire qualquer máscara.” (MATARAZZO, Claudia, Etiqueta Sem Frescura- Ed. Planeta.) 

Leia também: Guia Básico da Mesa Posta: dicas de como montar o seu acervo

2) Para quem fazer? 

mesa de jantar
Divulgação
Saiba como receber os amigos em casa com charme

Vejam que a pergunta não é (ainda) em relação a quantidade de pessoas que serão convidadas á sua casa. É relacionada a QUEM estará presente. A ideia de individualizar e identificar os convidados tem dupla razão.

 Primeiro, para que você, como anfitrião (ã), tenha o cuidado de verificar se algum convidado tem alergia ou intolerância alimentar e se prepare para servir um alimento adequado as necessidade dele.Já imaginou organizar um jantar só com frutos do mar e na hora de servi-lo descobrir que um dos convidados tem alergia? Sabendo tal informação com antecedência, você consegue preparar uma outra opção de comidinha e evita a situação desagradável. 

Veja Também  Hambúrguer vegano industrializado que imita carne é mesmo uma opção saudável?

Segundo, para que você , como anfitrião (ã), de forma gentil, disponibilize alguma comidinha preferida da sogra, tia, amiga querida, ou aniversariante. São pequenas gentilezas que fazem diferença e agradam o convidado. 

3) Para quantos?

Agora sim, quantas pessoas serão convidadas à sua casa? Definir o numero de convidados é um dado essencial para organizar o cardápio, as bebidas a serem servidas, o serviço á mesa escolhido (á americana, à brasileira, à francesa) , as louças e demais utensílios a serem utilizados. 

Lembre-se que se a ideia for montar uma mesa posta para que todos sentem-se à mesa, não inclua mais lugares do que ela originalmente comporta. Isso acaba gerando um desconforto ao convidado. Ou você dispobiliza outra mesa, seja na varanda, ou na própria sala, para que todos tenham um local adequado para sentar-se, ou, você, pode optar pelo serviço á americana , estilo buffet, e deixar os convidados á vontade para servirem-se e sentarem-se no sofá e cadeiras dispostas na sala. 

4) Quando fazer? 

Definir o horário da recepção em casa é importante para que o anfitrião (ã) se programe e organize os detalhes com antecedência  para no dia, não se estressar desnecessariamente, já que, o principal motivo da reunião de amigos em casa é curtir momentos agradáveis na companhia de pessoas queridas. 

Se a recepção for pela manhã, o ideal é deixar o espaço organizado na véspera para que você não fique cansada, montando todos os detalhes horas antes do convidado chegar. Definir louças, modificar móveis de lugar, são atividades que demandam tempo, fazê-las no dia da recepção gera uma preocupação desnecessária. 

É importante definir, ao menos (teoricamente), o início e término da reunião, pois esse fator relaciona-se diretamente à escolha do cardápio a ser sevrido. 

5) O que servir? 

Nesta pergunta, a ideia é definir com antecedência o que será servido na ocasião, desde os aperitivos á sobremesa. Definir se você, anfitrião (ã) ficará responsável por preparar tudo, se algum convidado ficará responsável pela sobremesa, por exemplo. 

Veja Também  Saiba como montar uma mesa temática de festa junina de forma criativa e simples

A escolha do cardápio também é importante para definir se as comidinhas serão preparadas em casa ou sera contratado algum buffet ou personal cheff. Deixar para comprar todos os ingredientes necessários para o preparo da receita no dia da recepção é cansativo. 

Vai cozinhar um prato bacana? Lembra de testar a receita antes para evitar surpresas desagradáveis no dia. 

6) Quanto gastar? 

Definir previamente o orçamento para organização da recepção em casa é importante para evitar gastos desnecessários e auxilia nas escolhas inteligentes. Se o valor disponibilizado para decoração é curto, pesquisa opções “ faça você mesmo” para economizar e montar uma composição criativa. Se o valor destinado a comidinhas é curto, busca opções de mercados com preços mais acessíveis, escolhe preparar receitas com bom custo/benefício. 

Lembre-se: organize a recepção compatível com as suas possibilidade financeiras. O importante não é o quanto você vai gastar, mas sim, o carinho e gentileza que você colocará em cada detalhe. 

Leia também: O que é mesa posta para você?

7) Como e onde organizar o espaço? 

Não se acanhe em modificar os móveis de lugar para acomodar melhor os seus convidados. Uma mudança de sofá  e/ou poltrona de lugar pode garantir um espaço bem mais confortável para todos. 

Lembrem-se de aromatizar o ambiente. Uma casa bem perfumada é agradável denota cuidado, gentileza. A iluminação também é importante para criar um ambiente aconchegante. 

A música tem um efeito incrível na recepção, ela dita o tom, a animação e cria um ambiente agradável , animado. 

As flores ou plantinhas além de decorarem o espaço criam uma atmosfera maravihosa. 

E não se esqueça, o planejamento de recepções em casa , são dicas e informações úteis para auxiliar você na organização desses encontrinhos em casa e não deixa-la tensa e excessivamente preocupada. 

Como bem afirma Claudia Matarazzo: “ Não estou pregando o improviso ou a falta de capricho. Ao contrário: há anos defendo que a vida se torna muito melhor se observarmos certas delicadezas em nosso dia a dia. Porém, também afirmo sempre que a etiqueta deve ser utilizada para facilitar e embelezar nossos dias e não para nos amordaçar.”  (MATARAZZO, Claudia, Etiqueta Sem Frescura- Ed. Planeta.) 

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Noiva faz varinha como lembrança de casamento e é criticada: “Parece um sex toy”

Publicado

Para presentear os convidados do casamento, uma noiva, que não teve a identidade revelada, resolveu fazer como lembrança um item temático, inspirado em Harry Potter. Em um grupo do Facebook, uma usuária divulgou a foto, que mostra várias varinhas produzidas manualmente por ela. A ideia, no entanto, não agradou a todos.

Leia também: Que situação! Cunhada ataca comida de noiva e gera climão em pleno casamento

varinhas inspiradas em Harry Potter
Reprodução/Facebook
Noiva faz varinhas temáticas de Harry Potter como lembrança de casamento e recebe várias críticas em grupo do Facebook

Junto com a foto, a noiva explica como começou a fazer as lembranças. “Meu noivo e eu vamos nos casar neste verão. Ao pensarmos no que as pessoas poderiam levar para casa para lembrar do nosso casamento temático de Harry Potter, decidimos fazer mais de 80 varinhas individuais para que eles possam escolher e usar como decoração em suas casas”, diz.

Em seguida, ela explica que passou horas fazendo e, até o momento em que a imagem foi divulgada, tinha apenas 29 prontas. “Os materiais que tenho utilizado são fios, cola quente e espetos de bambu. Apenas três foram pintados até agora”, continua. Apesar da boa intenção da mulher, as varinhas foram criticadas por diversas pessoas do grupo.

Leia também: Noiva tenta conseguir maquiagem de graça em troca de convite para o casamento

Veja Também  Horóscopo do dia: previsões para 19 de junho de 2019

A publicação viralizou e, em poucos dias, recebeu mais de mil comentários e 500 reações. Por lá, algumas pessoas deixaram suas opiniões. “Parece um sex toy”, diz uma. “Também pensei que eram brinquedos sexuais”, comenta outra. “Se eu estivesse no casamento , diria: obrigada, mas odiei isso”, aponta outra.

“São terríveis”, ressalta mais uma. “Já participei de uma festa que as varinhas eram mil vezes melhores que estas. A menina que fez disse que produziu 200 em uma hora”, destaca outra. “Gostei da ideia, mas não da execução”, destaca mais uma. “Cheguei a pensar que eram doces”, expõe outra.

Leia também: Noiva envia convite de casamento e convidado responde pedindo refeição vegana

Por outro lado, algumas usuárias apreciaram a dedicação da noiva . “São meio bregas, mas ela passou muito tempo para fazê-las, embora eu ache que seja mais apropriado para uma festa de aniversário”, diz uma. “É um trabalho árduo e atencioso, mesmo que não pareça chique ou caro. Eu apreciaria”, aponta outra.

Veja Também  Hambúrguer vegano industrializado que imita carne é mesmo uma opção saudável?

E você, o que acha da ideia?

Gostou das varinhas feitas pela noiva?


Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana