conecte-se conosco


Diárias de Mercado

MANDIOCA/CEPEA: Menor oferta reduz pressão sobre as cotações

Publicado

Cepea, 15/04/2019 – A menor disponibilidade de lavouras de mandioca com mais de dois ciclos e o pouco interesse de agricultores pela colheita e comercialização de raízes mais novas (entre 9 e 15 meses) reduziram a moagem, impactando diretamente na indústria de fécula. Para as farinheiras, a quantidade de matéria-prima foi suficiente para atender à demanda industrial. Apesar de parte das fecularias sinalizar para uma retomada do processamento, a demanda pela matéria-prima deve continuar estável. Embora não sido registrada disputa por mandioca entre as firmas, houve casos de aumento na remuneração aos agricultores, com objetivo de manter a oferta, porém, sem resultados efetivos. Entre 8 e 12 de abril, os preços da mandioca continuaram em queda, porém, em menor intensidade. A média semanal a prazo da mandioca posta na fecularia recuou 1,8%, ficando em R$ 296,79 por tonelada (R$ 0,5162 por grama de amido, na balança hidrostática de 5 kg). Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: Diárias de Mercado
Comentários Facebook
Veja Também  SOJA/CEPEA: Com vendedores retraídos, preços sobem

Diárias de Mercado

TRIGO/CEPEA: Com possível menor oferta, preços se recuperam no Brasil

Publicado

Cepea, 20/08/2019 – Os valores internos do trigo têm subido com certa força em algumas praças acompanhadas pelo Cepea, influenciados pela possível menor oferta nesta safra – no Sul do País, agentes já confirmam quebra de produção. Esse contexto somado à recente valorização do dólar e a indefinições políticas na Argentina deixam demandantes nacionais cautelosos. Por outro lado, no mercado internacional, os preços estão em queda, com as menores cotações praticadas em países concorrentes, como Argentina, Austrália e União Europeia. Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: Diárias de Mercado
Comentários Facebook
Veja Também  SOJA/CEPEA: Com vendedores retraídos, preços sobem
Continue lendo

Diárias de Mercado

MELANCIA/CEPEA: Preços sobem pela 3ª semana seguida

Publicado

Cepea, 20/08/2019 – As cotações da melancia registraram forte alta na roça na semana passada (de 12 a 16/08), tanto em Lagoa da Confusão (TO) quanto em Uruana (GO). Segundo colaboradores do Hortifrúti/Cepea, a oferta ainda muito restrita em ambas as praças tem influenciado no aumento dos preços, que ocorreu pela terceira semana consecutiva. No Tocantins, a graúda (>12 kg) foi cotada a R$ 0,80/kg, elevação de 46,4% frente à semana anterior e, em Goiás, a fruta teve média R$ 0,90/kg, valor 45,3% superior no mesmo comparativo. Além do baixo volume, que já era esperado, alguns focos de virose reduziram ainda mais a quantidade disponível. Fonte: Cepea/Hortifruti – www.hfbrasil.org.br

Fonte: Diárias de Mercado
Comentários Facebook
Veja Também  TRIGO/CEPEA: Com possível menor oferta, preços se recuperam no Brasil
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana