conecte-se conosco


Cuiabá

COLETIVA DE IMPRENSA – Pinheiro esclarecerá dúvidas sobre a Santa Casa

Publicado

Luiz Alves

O prefeito Emanuel Pinheiro vai conceder uma coletiva de imprensa nesta sexta-feira (15) para falar  sobre a Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá. A coletiva será realizada às 9h, no Auditório da Prefeitura Municipal de Cuiabá. 

Na ocasião, o prefeito sanará todas as dúvidas sobre as contratualizações firmadas entre Prefeitura e Santa Casa, as dívidas existentes, o que será feito em relação aos pacientes do hospital, além das decisões tomadas em relação à continuidade dos trabalhos da unidade de saúde. 

Serviço

O que: Coletiva de Imprensa sobre a Santa Casa 

Data: Sexta-feira (15)

Horário: 9h

Local: Auditório do Palácio Alencastro – Prefeitura de Cuiabá.

Fonte: Prefeitura de Cuiabá
Comentários Facebook
Veja Também  SUGESTÃO DE PAUTA – Prefeito assina parceria inédita com instituto do medalhista olímpico Flávio Canto

Cuiabá

Festival de Siriri resgata história de Cuiabá e leva 5 mil ao Museu do Rio

Publicado

Mais de cinco mil pessoas prestigiaram nesta sexta-feira (17), a primeira noite do 13° Festival de Siriri, no Espaço Liu Arruda, no Museu do Rio. O festival, que será realizado até domingo (19), resgata a história de Cuiabá e valoriza a cultura nos 300 anos da Capital de Mato Grosso.

Há cinco anos o tradicional encontro não era realizado. Por determinação do prefeito Emanuel Pinheiro, contudo,  foi ao evento retomado pela Prefeitura de Cuiabá, juntamente com a Cor do Mato e apoio do Governo Federal, por meio do Ministério da Cidadania. A entrada é gratuita.

“É o resgate da maior expressão popular de Cuiabá. Como cuiabano, não podia deixar o Festival de Siriri continuar parado. É um evento genuinamente cuiabano, que expressa a nossa cultura, e que nos 300 anos de Cuiabá, está de volta para valorizar os nossos artistas, o nosso povo e a nossa história”, afirmou o prefeito.

O retorno do Festival de Siriri é a valorização da cultura cuiabana, de acordo com Emanuel Pinheiro. “A multidão se aglomera hoje no Museu do Rio para assistir a expressão cultural, a maior identidade da cuiabania, do povo cuiabano. A longo prazo, é importante trabalharmos para fazer um grande festival turístico, atraindo o público interno e externo, fazendo o cuiabano se alegrar com uma das suas principais culturas”, comentou o prefeito.

Na primeira noite, o Grupo Flor Ribeirinha fez a apresentação MT Dança Brasil, que sagrou o grupo campeão em Festival na Turquia. Também se apresentaram, a banda Rasqueia, João Eloy e Roberto Lucialdo.

“Cuiabá precisava de um evento cultural como esse para juntar o seu povo. A população abraçou e precisa continuar abraçando essa festividade”, afirmou Raianny Rodrigues de Campos, que compareceu ao evento com a sua família. Sua irmã, Rhayce Kelly, disse que a família foi prestigiar o festival e que é uma ótima oportunidade para levar os filhos, pois está muito bem organizado. Outro membro da família, Janderson Brito, argumentou que é fundamental valorizar os produtos e representantes da terra, elogiou a iniciativa da Prefeitura de Cuiabá. “Espero que sejam realizados mais festivais como esse”, disse.

Veja Também  Prefeitura abre processo seletivo com mais de mil vagas e salários de até R$ 5,5 mil

De acordo com o secretário de Cultura, Esporte e Turismo de Cuiabá, Francisco Vuolo, é emocionante o prefeito Emanuel Pinheiro proporcionar o retorno do Festival de Siriri para a população, após cinco anos, justamente nos 300 anos de Cuiabá.

 

“É devolver o espetáculo de maior tradição da nossa cultura. Além da premiação de R$ 34 mil para ser dividida aos participantes, o importante é garantir a condição para que cada grupo melhore em quesitos que serão julgados, como coreografia, figurino, música. A partir do momento que aprimoremos isso, cada vez mais tornar os grupos de siriri como elemento para o turismo e espetáculo da cultura mato-grossense. É o momento em que os grupos voltam a ser protagonistas”, comentou.

Poeta, pesquisador e músico, Milton Pereira de Pinho, o Guapo, elogiou a iniciativa da Prefeitura de Cuiabá de retomar o Festival de Siriri. “Não é apenas o resgate, é uma celebração o retorno do Festival de Siriri, é celebrar aquilo que é nosso. Tudo começou com a viola de cocho, Cuiabá começou com a viola de cocho. Esse retorno é muito importante”, parabenizou.

Veja Também  Moradoras do Pedregal são beneficiadas pelo Programa Qualifica 300 – Edição Mulher

13ª EDIÇÃO

A 13ª edição também conta com exposição fotográfica temática ao festival, com imagens de acervo dos próprios grupos participantes, que estão disponíveis para apreciação do público; feira de artesanato (chinelos, colares, bolos, tapioca, roupas, doces, tapetes, reproduções sacras, compotas, porções de pixé, entre outros) em parceria com a Secretaria Municipal de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, praça de alimentação.

Começaram a ser entregues pelo prefeito na primeira noite, medalhas dos 300 anos em homenagem aos cinco grupos que participaram da primeira edição do Festival de Siriri, em 2002 (Flor ribeirinha, flor do campo, chapa e cruz, viola de cocho e coração de mãe), e aos oito participantes desta 13ª edição. Os grupos participantes deste ano são: Flor Ribeirinha, Flor do Campo, Flor de Atalaia, Flor Serrana, Raízes Cuiabanas, Coração Tradição Franciscano, Tradição Coxiponé, Voa Tuiuiú e São Gonçalo Beira Rio. Na segunda-feira (20), será a apuração dos votos. Ao todo, são oito categorias, com dois jurados em cada uma.

“Abrimos o primeiro festival de Siriri, em 2002, com o grupo de idosos. Foi no período da criação do Centro de Convivência Padre Firmo. Essa homenagem é fantástica pelo trabalho que sempre fizemos, com a cultura presente e principalmente pelo trabalho com o idoso. Siriri é raiz, é um espetáculo”, disse Luis Roberto, do grupo Coração de Mãe.

Também participaram do evento, o presidente da Câmara Municipal, Misael Galvão e os vereadores Adevair Cabral, Orivaldo da Farmácia e Clebinho Borges.

Comentários Facebook
Continue lendo

Cuiabá

Cuiabanos ‘não tem o que reclamar’ de lazer; prefeitura amplia criação de parques pela cidade

Publicado

A realidade dos espaços de lazer tem mudado completamente em Cuiabá. Se antes eram restritos a determinadas regiões e atendiam apenas uma pequena parcela dos cuiabanos, atualmente é possível notar uma grande expansão dessas áreas.

Em dois anos e meio, dois parques foram inaugurados e mais de 50 praças e espaços de lazer foram construídos ou revitalizados. Tal transformação é fruto de um modelo de gestão adotado pela Prefeitura de Cuiabá, a partir de 2017, e que, gradativamente, avança por diversas comunidades, alcançando um público que outrora se via excluído.

Ainda quando era candidato, o prefeito Emanuel Pinheiro destacou a meta de criação de um plano de construção de estruturas que ofertassem ao cidadão, novas alternativas para o lazer e prática esportiva. O planejamento tem sido seguido desde que assumiu o Alencastro, e nestes pouco mais de dois anos de gestão, o chefe do Executivo já inaugurou dois parques.

“Este é o conceito da nossa gestão. Democratizar o conceito de qualidade de vida, que essas áreas de lazer oferecem para a população. Os grandes parques já existentes são maravilhosos, mas atingem uma população restrita. Por outro lado, Cuiabá possui várias áreas lindas, que podem ser mais bem utilizadas. Fiz o compromisso de expandir esses espaços e levá-los para mais próximo da daquele morador que reside em bairros afastados da região central”, enfatiza o Pinheiro.

Na última quinta-feira (16), foi entregue o Parque da Nascente – Yone de Azevedo Campos. Com 30 mil m², está situado entre os bairros Morada do Ouro I e II e ocupa uma área utilizada anteriormente como ponto de descarte irregular de lixo. Em um trabalho feito por meio do projeto Agua Para o Futuro, em parceria com outros agentes públicos, o local passou por um completo processo de transformação, alinhando à oferta de recreação com a preservação ambiental.

Veja Também  Secretaria realiza programação especial em homenagem ao dia do Assistente Social

Ex-governador Frederico Campos participou de homenagem à esposa.

Em abril, a Prefeitura também já havia inaugurado o Parque da Família. Este foi edificado em parceria com o Pantanal Shopping em uma área de 32 mil m², localizada entre os bairros Bela Vista, Canjica, Terra Nova e Dom Bosco. O espaço foi criado com a ideia de homenagear, com uma calçada da fama, pelo menos 900 famílias que, ao longo dos 300 anos, ajudaram na construção da história da capital mato-grossense.

Estrutura

Os parques são compostos por uma estrutura preparada para atender um público diversificado. Com pista de caminhada, academia ao ar livre, playground, pergolados e outros equipamentos, os espaços podem ser aproveitados tanto pelos amantes das atividades físicas quanto por quem deseja ter um momento de interação social com familiares e amigos.

“Além de todos esses aparelhos, o prefeito Emanuel Pinheiro tem tornado uma marca registrada a criação de um ambiente voltado especialmente para os pets. Os chamados ‘ParCão’, possuem todos os equipamento necessários para que os animais também se divirtam”, destaca o secretário municipal de Serviços Urbanos, José Roberto Stopa.

Veja Também  SUGESTÃO DE PAUTA – Semob lança 2ª edição do Faixa Cidadã

Novos parques

Para os próximos anos, ainda estão planejadas as construções de novas estruturas. Neste momento, está em processo de cessão do Estado para o Município duas áreas na região Norte. A Primeira, no bairro Centro América, nas proximidades do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), abrigará o Parque dos Indígenas. Já a segunda, no bairro CPA 3, será o Parque do Caju.

A região Sul também ganhará espaços semelhantes. Para esta localidade, o Município já prepara o início dos trabalhos em uma área de 10 hectares no bairro Real Parque. No Distrito Industrial, 20 hectares também devem ser transformados em espaço de lazer, chamado Parque do Trabalhador, atendendo bairros como Pedra 90, Industriário, Nova Esperança e Pascoal Ramos. Este ainda se encontra em fase de projeto.

 

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana