conecte-se conosco


Mato Grosso

Servidores da Sema colaboram com livro sobre bacia do Rio Cuiabá

Publicado

O livro digital ‘Bacia do Rio Cuiabá: uma abordagem socioambiental’ organizado por Daniela Figueiredo, Eliana Gaspar e Zoraidy Lima traz em seu conteúdo capítulos feitos por servidores da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT).

Dez anos após a publicação do primeiro volume pela Editora da Universidade Federal de Mato Grosso (EdUFMT), a nova edição atualiza os estudos sobre a realidade socioambiental em torno da bacia do Rio Cuiabá, trazendo capítulos que tratam desde a pesca em comunidades ribeirinhas até a gestão ambiental com a política de recursos hídricos.

Ao todo, cinco servidores da Sema-MT participaram do processo de produção do livro como alguns dos autores. A obra, que busca ter uma visão ampliada da área, contou com a colaboração de profissionais tanto do setor público, quanto de pesquisadores e professores.

A servidora Márcia Cléia Santos, que é bióloga e utilizou sua dissertação de mestrado para compor a obra, conta que o livro é um trabalho de muitos profissionais e que contêm todas as perspectivas.“Ele traz a visão do que é o meio ambiente e para que serve a ecologia”, conta.

Márcia comenta que sua dissertação de mestrado foi sobre a linha máxima de inundação do rio e como a vegetação era distribuída nessa variação topográfica. “Percebemos durante o trabalho que há uma mudança na vegetação muito próxima do que é o Pantanal”, detalha ela. A dissertação de Márcia foi incluída no livro: “Foi muito legal participar disso, foi como se fosse um prêmio. A premiação de um grande concurso onde cada um foi contribuindo e ajudando a chegar nesse contexto como um todo”.

Veja Também  "Mato Grosso de Todos os Ritmos" celebra o aniversário do Estado em concerto épico

Para a seção do livro sobre gestão ambiental, uma das contribuições da Sema-MT foi do engenheiro sanitarista e servidor Luiz Noquelli. Ele relata que a experiência na Secretaria ajudou a elaborar o tema, falando sobre a política dos instrumentos de gestão do estado. Foi feito um levantamento da atual situação dos recursos hídricos de Mato Grosso, tudo focado para a bacia hidrográfica do Rio Cuiabá.

Noquelli também utilizou de informações de seu mestrado em recursos hídricos para compor a obra. Ele afirma que o trabalho da Superintendência de Recursos Hídricos (SURH), com seus dados e monitoramentos, foi primordial para o êxito dos escritos. “Essas informações permitem mostrar hoje como se encontra a bacia do Rio Cuiabá”.

Para o primeiro capítulo do livro, Gabriela Rocha Priante, servidora e secretária executiva do Conselho Estadual de Pesca (Cepesca), utilizou de sua experiência para falar sobre comunidades ribeirinhas e sua dependência da pesca, abrindo assim parte da obra que trata da relação da sociedade e o ambiente.

Servidores da Sema-MT que participaram do livro:

Veja Também  Servidores da Sesp-MT são capacitados para gerenciamento de projetos

Márcia Cleia Santos
Marizete Caovilla
Sérgio Figueiredo
Gabriela Priante
Luiz Noquelli

Serviço

O livro está disponível para download no site da EdUFMT

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook

Mato Grosso

Tenente-coronel assume nesta terça-feira 15º CR de Peixoto de Azevedo

Publicado

O tenente-coronel James Jacio Ferreira assume na manhã destaca terça-feira (23), às 10h, o comando do 15º Comando Regional da Polícia Militar, em substituição ao também tenente-coronel Gildazio Alves da Silva.

Com sede em Peixoto de Azevedo (691 km de Cuiabá), o 15º CR tem sobre sua abrangência de atuação 10 municípios.  Além de Peixoto de Azevedo, essa regional da PMMT atua nos municípios de Matupá, Marcelândia, Terra Nova do Norte, Itaúba, Nova Guarita, Nova Santa Helena, Guarantã do Norte e Novo Mundo.

Com a presença do comandante geral da PMMT, coronel Jonildo José de Assis, e de outras autoridades militares e civis, a solenidade ocorrerá na Câmara de Vereadores.

Novo comandante 

Na semana passada, o TC James deixou o comando da Academia de Polícia Militar Costa Verde, com sede em Várzea Grande, com a missão de assumir o CR de Peixoto. Na Academia Costa Verde permaneceu por pouco mais de dois anos. Ele também já havia comandando a Escola Superior de Formação de Praças(Esfap), com sede em Cuiabá.

Veja Também  PM prende homem por ameaçar familiares com machado e facas

Mestre em Educação pela UFMT, o novo comandante é dono de um extenso currículo acadêmico e profissional. Pós-graduado em Segurança Pública pela Unemat e em Segurança Pública e Direitos Humanos pela UFMT, o tenente-coronel James também é bacharel em Direito e tem curso de Prevenção e Enfrentamento do Tráfico de Pessoas, entre outras capacitações

Nas atividades operacionais ele ocupou diversas funções, entre as quais a de comandante do 4º Batalhão, sediado em Várzea Grande e de coordenador do projeto Escola Segura, desenvolvido pela PM em parceria com as secretarias de Educação e de Justiça.  

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Gefron homenageia parceiros da atividade operacional na fronteira

Publicado

Sessenta pessoas, entre policiais civis, militares e autoridades, receberam na noite desta segunda-feira (22), a medalha Mérito Policial de Fronteira. A honraria é um reconhecimento ao trabalho realizado em prol do grupamento, que atua nos 983 km de fronteira com o Brasil e a Bolívia. A solenidade foi realizada no Salão Nobre Cloves Vettorato e contou com a presença do governador, Mauro Mendes, que também foi um dos homenageados.

Em sua fala, o chefe do Executivo destacou que em três meses ainda fez pouco pelos profissionais que atuam na fronteira, mas ressaltou que para os próximos anos vai contribuir para melhorar ainda mais a atividade operacional.

“Este reconhecimento hoje é para aquelas pessoas que já contribuíram e ainda vão contribuir para a atividade na fronteira. Estou honrado em receber esta medalha e quero poder fazer mais por estes profissionais”, enfatizou.

A entrega de medalhas encerra as atividades em comemoração ao aniversário de 17 anos de atuação do Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron), que é celebrado no dia 13 de março. A programação começou com o 5º Torneiro de Tiro seguido da corrida kids e adulto. Todas as programações foram voltadas para as unidades que integram as ações de segurança na fronteira, Polícia Militar, Polícia Judiciária Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Politec, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Federal, Exército Brasileiro e Marinha.

“Esta solenidade fecha com chave de ouro a programação de aniversário. A entrega de medalhas é em homenagem para aquelas pessoas que desempenham funções que fortalecem o grupamento, seja ela na atividade operacional ou na administração. A tropa que está na fronteira atua diuturnamente para o enfrentamento à criminalidade”, destacou o coordenador do Gefron, tenente-coronel PM José Nildo de Oliveira.

Veja Também  Governo integra cerimônia de lançamento da 17ª Campanha de Vacinação das Américas

Já o secretário chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, ressaltou os resultados obtidos pelos profissionais no primeiro trimestre do ano. “O Gefron tem feito um trabalho espetacular. Somente neste primeiro trimestre foram apreendidas mais de uma tonelada de drogas. Este resultado nos dá muito orgulho e é reflexo de um trabalho desempenhado com muito afinco e engajamento”, frisou.

Entre os homenageados estavam o secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante dos Santos,  delegado geral da Polícia Judiciária Civil, Mário Dermeval Aravechia de Resende, o comandante do Corpo de Bombeiros Militar, coronel BM Alessandro Borges Ferreira, a juíza de direito, Ana Cristina Mendes, diretor geral da Politec, Rubens Sadao Okada, o delegado da Polícia Federal, Diógenes Curado, dentre outros.

“O Gefron é uma força que é modelo nacional. Atualmente é responsável pelo patrulhamento na fronteira no estado de Mato Grosso com a Bolívia e tem os maiores índices de apreensão de drogas no Brasil, alto índice de recuperação de veículos e carga roubada. Ser homenageado por este grupamento é uma honraria muito interessante que só nos envaidece”, destacou o secretário de Segurança Pública, Alexandre Bustamante.

Veja Também  Crianças e adultos em vulnerabilidade recebem ovos de páscoa

Atividade operacional

O Gefron passou a operar na repressão aos crimes transfronteiriços em 13 de março de 2002. Os 140 policiais realizam patrulhamentos pelas rodovias, estradas vicinais, operações, barreiras fixas e volantes na repressão ao tráfico de drogas, contrabando e descaminho de bens e valores, evasão de divisas e roubos de veículos.

A base operacional do Grupamento fica no município Porto Esperidião. Outros pontos de fiscalização estão distribuídos na região do Matão (no município de Pontes e Lacerda), Vila Cardoso, Avião Caído (em Cáceres), Canil Integrado (Cáceres), além da sede administrativa que fica na Sesp, em Cuiabá.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana