conecte-se conosco


Policial

Sindicatos de Polícia Civil se reúnem com secretário de segurança

Publicado

Matheus Mendes | Sesp-MT

Diretores dos Sindicatos de Escrivães, Investigadores e Delegados de Polícia Civil (PJC) se reuniram na manhã desta quinta-feira (10.01) com o secretário de estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, para discutir assuntos de interesse da categoria.

O pagamento do salário dos servidores, questões estruturais das delegacias, condições de trabalho dos policiais e o efetivo pautaram o encontro. Bustamante pediu voto de confiança dos servidores ao governador Mauro Mendes, que já deu prazo para o pagamento dos salários e a opção pelo parcelamento era inevitável.

“Esse primeiro ano será mais difícil, mas o governo vai promover cortes nas despesas e buscar pagar os salários dentro do mês e este é um compromisso do governador. Acredito que em seis meses, após essas mudanças, o fluxo de caixa estará melhor”, disse o secretário de Segurança Pública.

Segundo o presidente do Sindicato dos Escrivães de Polícia (Sindepojuc), Davi Padilha Nogueira, as propostas por parte do secretário são consideradas boas para a PJC. “Tivemos uma ótima impressão das ideias do novo secretário. Acreditamos será ótimo trabalho a ser desenvolvido. Ele se comprometeu a dar seguimento a alguns trabalhos que já existiam como por exemplo a aposentadoria das mulheres, a etapa alimentação e o sobreaviso, além de outros”, explicou.

Veja Também  PRF apreende 204 mil maços de cigarros em Mato Grosso

Para o presidente do Sindicato dos Delegados (Sindepo), Wagner Bassi Junior, as propostas tranquilizam os servidores. “Nós ouvimos todas as posições do secretário e vamos levá-las para a categoria no sentido de tranquilizá-la e demonstrar a vontade do governo em resolver os problemas”, disse.

De acordo com a presidente do Sindicato dos Investigadores de Polícia (Sinpol), Edleusa Mesquita, a comunicação com o titular da pasta é essencial. “Esse diálogo com o secretário é fundamental para que a gente possa construir junto a resolução dos problemas da segurança pública. Todas as demandas que nós apresentamos aqui, ele recebeu de portas abertas”, destacou.

 

 

Comentários Facebook

Policial

Polícia Civil prende em flagrante suspeito de entregar droga em bairro da Capital

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE) prendeu em flagrante P.E.S. 34 anos, pelo crime de tráfico de drogas. A prisão ocorreu na tarde de segunda-feira (24.06), no bairro Parque Ohara, na Capital.

Os policiais civis receberam a denúncia de que o suspeito, conhecido pela alcunha de “Coração Valente”, entregaria certa quantia de entorpecente nas proximidades de uma residência do bairro. Segundo as informações, ele estaria em um veículo Ford Ka de cor preta.    

Com base na denúncia, a equipe de investigadores da DRE se dirigiu ao local e ao ver o veículo trafegando por uma avenida do bairro e se aproximando da localização onde supostamente seria entregue a droga, os policiais civis realizaram a abordagem do suspeito.

Com ele foi encontrado a droga que seria entregue, sendo meia barra de pasta base, cinco pedras médias do mesmo entorpecente, e uma porção grande de substância análoga a ácido bárico.

O preso, juntamente ao material e ao veículo apreendidos, foi encaminhado a DRE onde foi atuado em flagrante por tráfico ilícito de drogas.

Veja Também  Bandido faz amizade com idoso, segue sua rotina e no final dá golpe de R$ 3 mil reais

 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende homem acusado de estupro de vulnerável de duas sobrinhas da esposa

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um homem acusado de estupro de vulnerável de duas sobrinhas de sua esposa teve o mandado de prisão preventiva cumprido pela Polícia Civil, nesta segunda-feira (24.06), em ação da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso de Várzea Grande (DEDMCI-VG).

O suspeito, E.C.A., 49, foi contido por familiares das vítimas, e interrogado confessou que abusava sexualmente das adolescentes de 12 e 13 anos, há aproximadamente um ano e meio.

Segundo o delegado da DEDMCI-VG, Cláudio Alvares Sant’Ana, o pai e a mãe de uma das vítimas passaram a desconfiar dos abusos, após a filha apresentar comportamento diferente. Questionada, a menor contou aos pais que ela e a prima eram abusadas pelo marido da tia há cerca de um ano, além de serem vítimas de terror psicológico e constantes ameaças do suspeito.

Após ser descoberto, o suspeito foi detido pelos próprios familiares das vítimas, sendo amarrado com fios elétricos e encaminhado a especializada. Na delegacia, as duas vítimas foram ouvidas, ocasião em que confirmaram e deram detalhes sobre os abusos. Em interrogatório, o suspeito também confessou que vinha praticando relações sexuais com as menores há mais de um ano.

Veja Também  Mulher disse à PM que só tinha cenoura na geladeira, ao abrir 8 tablete de maconha foram encontrados

Enquanto as partes eram ouvidas, a esposa do agressor compareceu a delegacia e registrou um boletim de ocorrência de estupro contra ele, no qual relatou que, na última quinta-feira (20), foi segurada a força e obrigada a manter relações sexuais com o marido.

Diante das evidências, o delegado representou pelo mandado de prisão contra o suspeito, o qual foi deferido pela Justiça e prontamente cumprido pela equipe da DEDMCI-VG.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana