conecte-se conosco


Mato Grosso

Comunicado do governador Mauro Mendes aos fornecedores

Publicado

Assumimos o Governo no último dia primeiro de janeiro em uma situação financeira que todos os fornecedores de Mato Grosso conhecem. Com restos a pagar na ordem de R$ 3,9 bilhões.

Os números se tornaram públicos na última semana, após darmos transparência ao cenário econômico e de gestão que encontramos no Estado.

São empresas e prestadores de serviço dos mais variados segmentos, que mantêm toda a estrutura do Estado em pleno funcionamento. Desde serviços básicos e importantes como limpeza, alimentação e fornecimento de material de expediente, a compra de medicamentos, locação de viaturas e prestação de serviços médicos e hospitalares.

Os restos a pagar estão acima da capacidade econômica atual e, por isso, tomamos medidas drásticas e aguardamos a aprovação da Assembleia Legislativa de Mato Grosso. 

Entre as medidas estão o corte no número de cargos comissionados, de gratificação e contratados; a redução de 24 para 15 no número de secretarias e a extinção de seis empresas públicas; a criação da Lei de Responsabilidade Fiscal Estadual, que estabelece normas de finanças públicas que propiciarão a contenção do déficit financeiro, reequilíbrio entre receitas e despesas e recuperação da capacidade de investimento público; estamos propondo também o aumento na contribuição do setor do Agronegócio, com o Novo Fethab, bem como outros ajustes na Tributação para a elevação da receita. Iremos implementar um gigantesco programa de combate à sonegação fiscal.

Veja Também  Governador pede que ministra libere recursos para dar celeridade em cadastros rurais

Todas essas medidas visam o reequilíbrio financeiro do Estado, com a contribuição de todos os setores da sociedade. Nossa expectativa é que, se tudo for aprovado na Assembleia, possamos dar início ao processo de reorganização das contas públicas, com a entrada de mais recursos financeiros nos cofres do Estado e a diminuição dos gastos públicos.

Com essas ações acima, queremos demonstrar aos senhores que estamos trabalhando para criar todas as condições necessárias para estancar o crescimento dos restos a pagar e dar início ao processo de quitação dos débitos, para que a população não sofra com a interrupção dos serviços públicos. 

Estamos tratando a situação com a seriedade que ela merece e há apenas uma forma que conhecemos para equacionar tudo isso: é colocar Deus na frente e trabalhar. 

Contamos com a parceria e que depositem um crédito de confiança em nosso trabalho.

Mauro Mendes
Governador de Mato Grosso

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Novo comandante das unidades especializadas da PM assume nesta segunda (21)

Publicado

Nesta segunda-feira(21), às 17h, o coronel Carlos Eduardo Pinheiro da Silva assume a função de comandante do Cesp (Comando Especializado da Polícia Militar).

Ele substitui o também coronel Edvan Manoel de Azevedo e terá sobre sua gestão administrativo e operacional os batalhões Bope, Rotam, Ambiental, Trânsito e Regimento Montado (Cavalaria).

Para ocupar a nova função, atendendo ao convite do comandante-geral, coronel Jonildo José de Assis, Pinheiro deixou o cargo de assessor Militar da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz).

Nos quase 25 anos de carreira, o novo comandante do Cesp ocupou dezenas de funções de liderança, entre as mais recentes estão: comandante-adjunto do 2ºCR (Comando Regional) de Várzea Grande, do 6ºCR (sediado em Cáceres), de corregedor-geral e de diretor-geral de Ensino e Instrução.

A solenidade de troca de ocorrerá no pátio do quartel do Batalhão de Operações Especial (Bope), na Avenida Historiador Rubens de Mendonça (Av. do CPA), e será aberta ao público.

Serviço

Evento: Posse do novo comandante do Cesp (Comando Especializado da Polícia Militar)

Veja Também  Governador pede que ministra libere recursos para dar celeridade em cadastros rurais

Data e horário: 21/01 (segunda-feira), às 17h

Local: no pátio do Bope, Av. Historiador Rubens de Mendonça nº 5.088, bairro Centro América, em Cuiabá (MT).

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Curso capacita policiais para trabalhar com Policiamento Montado

Publicado

O 5º Curso de Policiamento Montado da Polícia Militar teve início nesta sexta-feira (18), em Cuiabá. Nos próximos dois meses, em período integral, 13 policiais aprovados em processo seletivo para o Regimento de Policiamento Montado (RPMon) receberão treinamento teórico e prático para que possam atuar na unidade especializada de Cavalaria.

No lançamento, com aula inaugural no auditório do Comando Geral da Polícia Militar (QCG), o comandante geral da PMMT, coronel Jonildo José de Assis, destacou a importância da atuação da Cavalaria na prevenção e repressão da criminalidade.

Aos policiais que estão iniciando essa capacitação, Assis recomendou dedicação, que aproveitam ao máximo o momento de aprendizagem que fará diferença na atuação policial. “O trabalho de cada um aqui é fundamental ao controle dos índices de criminalidade”, pontuou o comandante.

O convidado para ministrar a aula inaugural foi o ex-comandante do Regimento de Policiamento Montado, coronel da reforma remunerada da PMMT, Reinaldo Magalhães de Moraes, uma das maiores autoridades no assunto. Com a palestra intitulada “Sempre haverá uma Cavalaria”, Reinaldo fez um histórico das cavalarias, do emprego do animal na lida e da relação com o homem.

Veja Também  Novos servidores reforçarão unidades do interior e Capital

O RPMon é comandado pelo major Walmir Barros Rocha e integra o Comando Especializado de Policia Militar (Cesp), juntamente com unidades especializadas como o Bope, Rotam, Batalhão Ambiental e de Trânsito.

Comentários Facebook
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana