conecte-se conosco


Economia

FGTS como garantia para o crédito consignado: regras, requisitos e restrições

Publicado


O uso do FGTS como garantia para o crédito consignado proporciona juros mais baixos para quem pede o empréstimo, já que os recursos da conta do trabalhador no fundo cobrirão eventuais calotes
Fábio Rodrigues Pozzebom/Arquivo/Agência Brasil
O uso do FGTS como garantia para o crédito consignado proporciona juros mais baixos para quem pede o empréstimo, já que os recursos da conta do trabalhador no fundo cobrirão eventuais calotes

Desde a semana passada, os trabalhadores da iniciativa privada já podem contar com uma nova opção de crédito: o empréstimo consignado com uso do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) como garantia. Com a novidade, cerca de 37 milhões de brasileiros que trabalham com carteira assinada podem ser beneficiados.

Leia também: Consignado com garantia do FGTS já está disponível nas agências da Caixa

O uso do FGTS
como garantia para o crédito consignado proporciona juros mais baixos para quem pede o empréstimo, já que os recursos da conta do trabalhador no fundo cobrirão eventuais calotes. A garantia reduz o risco para os bancos e ainda permite à Caixa oferecer empréstimos com taxas menores.

A possibilidade de usar o FGTS como garantia para os empréstimos, porém, não é novidade. A lei nº 13.313 de 2016 já previa essa opção nas operações de crédito consignado
, mas a modalide acabou não deslanchando porque a falta de regulamentação não dava segurança para os bancos – que só eram informados sobre o saldo do fundo de garantia do trabalhador no caso de um eventual desligamento da empresa.

Para resolver este problema, a Caixa informou, em nota, que disponibilizou a todos os bancos um sistema que permite o envio e recebimento de informações sobre os créditos consignados. Desta forma, as instituições financeiras poderão reservar os valores da conta do FGTS vinculada ao trabalhador como garantia no contrato de empréstimo sem que isso as prejudique de alguma maneira no futuro.

Veja Também  IGP-10 registra taxa de 0,7% em maio

Regras e requisitos


A modalidade que usa o FGTS como garantia segue a mesma análise de risco de crédito que as demais operações de empréstimo, então até mesmo as pessoas com restrições no CPF podem solicitá-la
Shutterstock
A modalidade que usa o FGTS como garantia segue a mesma análise de risco de crédito que as demais operações de empréstimo, então até mesmo as pessoas com restrições no CPF podem solicitá-la

A nova modalidade de empréstimo pode ser solicitada em qualquer agência da Caixa. Segundo estabalece a lei, os juros não poderão ultrapassar 3,5% ao mês, percentual até 50% menor do que o praticado em outras operações de crédito do mercado, e o prazo de pagamento será de até 48 meses.

Leia também: Desemprego recua para 12,1%, mas falta trabalho para 12,7 milhões de brasileiros

De acordo com a assessoria de imprensa da Caixa
, as pessoas interessadas em solicitar o consignado pelo banco público devem preencher os seguintes requisitos:

  • Trabalhar em uma empresa com convênio de consignado ativo com a Caixa;
  • Margem consignável de até 30% do salário disponível para que a parcela do empréstimo seja descontada em folha de pagamento;
  • Vínculo empregatício de, no mínimo, 12 meses junto à empresa do setor privado em que trabalha;
  • Salário depositado em conta corrente da Caixa;
  • Saldo do FGTS compatível com o valor do empréstimo desejado.
Veja Também  Decreto permite que motorista de aplicativo contribua com INSS; veja regras

Para pedir o empréstimo, o trabalhador deve apresentar um documento de identificação pessoal com foto (como RG ou CNH, por exemplo), comprovante de renda e de residência e o número do PIS. A modalidade segue a mesma análise de risco de crédito que as demais operações de empréstimo, então até mesmo as pessoas com restrições no CPF podem solicitá-la.

Na Caixa, ainda segundo sua assessoria, as taxas de juros para a linha de crédito partem de 2,63% ao mês e respeitam o limite de 3,5% mensais previsto em lei. Os valores do empréstimo variam de cliente para cliente, mas são limitados à quantia disponível na conta do FGTS e à margem consignável, que pode ser retida pelo banco se o trabalhador perder o vínculo com a empresa.

Leia também: Concursos públicos da semana oferecem 4.138 vagas e salários de até R$ 17 mil

Na prática, isso significa que cada pessoa só poderá tomar emprestado o equivalente à 10% do saldo de seu FGTS
mais o valor integral da rescisão prevista em seu contrato de trabalho em caso de demissão. Se o trabalhador tem R$ 10 mil depositados em seu fundo de garantia, por exemplo, e sua multa rescisória é de R$ 20 mil, poderá consignar até R$ 21 mil pela Caixa.

Comentários Facebook

Economia

Bolsonaro ataca IBGE, diz que não é fácil ser patrão e se isenta por desemprego

Publicado


Jair Bolsonaro rindo
Marcos Corrêa/PR
Bolsonaro alfinetou IBGE, voltou a dizer que “ser patrão no Brasil não é fácil” e disse que não pode “obrigar ninguém a empregar”

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) disse nesta quinta-feira (16), em Dallas, nos Estados Unidos, que o desemprego no Brasil é muito maior do que o indicado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Segundos dados da pesquisa Pnad Contínua
, divulgados nesta quinta-feira, o desemprego cresceu em 13 estados brasileiros e no Distrito Federal no primeiro trimestre do ano, quando em todo o Brasil 13,4 millhões de pessoas buscavam uma vaga.

Leia também: “Crescimento de curto prazo é voo de galinha”, alerta presidente do BC

“Se fala em milhões de desempregados? Tem, até mais do que isso. O IBGE
tá errado, tem muito mais do que isso. Agora, em parte, essa população não tem como ter emprego porque o mundo evoluiu. Não estão habilitados a enfrentar um novo mercado de trabalho, a indústria 4G. como é que você vai empregar esse pessoal?”, questionou Bolsonaro. “Tenho pena, tenho. Faço o que for possível, mas não posso fazer milagre, não posso obrigar ninguém a empregar ninguém”, complementou o presidente.

Veja Também  Governo aprova programas de desligamento de empregados de 7 estatais

A pesquisa do IBGE, além de apontar alta da desocupação no País, também revelou que a dispensa de trabalhadores temporários no primeiro trimestre deste ano foi a maior em sete anos. Segundo a apuração, 5,2 milhões de brasileiros procuram emprego há mais de um ano.

Questionado sobre o desemprego
e a realidade do trabalho no Brasil, o presidente voltou a dizer que “não é fácil ser patrão
“, mas disse que também não é fácil ser empregado.

Leia também: Bolsonaro diz que repórter deveria ‘entrar de novo numa faculdade que preste’

“Eu digo para todo mundo: não é fácil a vida de ser patrão no Brasil. Tá empregado? Também não é fácil. O salário é muito para quem paga, é pouco para quem recebe. A garotada tá aí se formando, bota um papel na parede, em parte, digo, em parte, que não serve para nada. Até jornalista, a gente já teve contato no passado com uma colega de vocês jornalista que tem o português pior do que o meu. É assim que está sendo formada a nossa juventude no Brasil. Isso tem que mudar”, defendeu Bolsonaro
.

Fonte: IG Economia
Comentários Facebook
Continue lendo

Economia

Plataforma de marketing ajuda empresas a aumentar engajamento e conversão

Publicado

A internet oferece uma enorme quantidade de informações, numa velocidade muito rápida. Para se ter ideia, por minuto são enviadas 41.6 milhões de mensagens por Whatsapp e Messenger, 3.8 milhões de buscas são feitas no Google e 4.5 milhões de vídeos são assistidos no YouTube. Nesse cenário, as empresas online precisam prender a atenção dos internautas para aumentar o engajamento e a conversão.


representação da quantidade de informações que tem na internet
shutterstock
As empresas devem investir em marketing digital

O objetivo parece difícil de ser alcançado, mas algumas ferramentas disponíveis no mercado podem ajudar. O PowerMarketing, plataforma de marketing
oferecida pela  IG Corporate – empresa do segmento de soluções digitais corporativas
-, por exemplo, monitora e permite interações em tempo real com o internauta que está no site da empresa, mantendo o interesse dele e evitando abandonos no fluxo de compra.

Quando um cliente coloca determinado produto no carrinho e depois retira, uma mensagem de desconto pode aparecer para que ele opte por finalizar a compra. Usuários que procuraram muitas vezes por um produto e ainda não decidiram por compra-lo podem receber mais informações sobre ele. Já quando a pessoa está com algum problema para finalizar a compra, é possível saber o que está acontecendo rapidamente e interagir através de um chat de texto para resolver o problema antes que ela desista.

Veja Também  Governo aprova programas de desligamento de empregados de 7 estatais

O PowerMarketing
também ajuda na criação da estratégia da empresa com o monitoramento dos visitantes. A partir das informações detalhadas de cada internauta e relatórios personalizados que indicam o tempo de visualização dos banners, do abandono de página e outros pontos importantes, é possível traçar uma boa estratégia que atenda ao funil de conversão.


Representação do funil de marketing com o Power Marketing oferece em cada etapa
Divulgação
O Power Mraketing, plataforma de marketing oferecida pela IG Corporate, atende à todo o funil de vendas

Dessa forma, o PowerMarketing
traz uma solução completa para a empresa: facilita o planejamento da comunicação direcionada e eficiente por meio do conhecimento do cliente; aumenta a atenção do internauta e o interesse pelo produto por meio da interação em tempo real; fornece assistência automatizada, segmentada e rápida, além de fazer recomendações customizadas para melhorar a experiência do consumidor; e por fim, conhecendo o cliente é possível colocar em prática o marketing de relacionamento para aumentar a retenção e conversão de vendas.  

Kotler, conhecido como o “guru do marketing”, afirma que “hoje os clientes são mais difíceis de agradar, mais inteligentes, mais conscientes em relação ao preço, mais exigentes, perdoam menos e são abordados por mais concorrentes com ofertas iguais ou melhores”. Assim, para a empresa, ter uma solução como o PowerMarketing é sinônimo de estar um passo à frente da concorrência.

Fonte: IG Economia
Comentários Facebook
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana