conecte-se conosco


Mato Grosso

Profissionais da Educação se reúnem para debater a Base Nacional Comum Curricular

Avatar

Publicado

Profissionais da Educação de Mato Grosso se reúnem nesta terça-feira (06.03), às 15h, no auditório da Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) para debater a Base Nacional Comum Curricular (BNCC). O “Dia D” para a discussão da BNCC ocorre em âmbito nacional, promovido pelo Governo Federal em parceria com os Estados.

De acordo com as informações da coordenadora estadual da BNCC, Irene Costa, o evento tem como objetivo uma aproximação ao texto homologado, por meio de apresentações, atividades e dinâmicas.

“É uma discussão com caráter formativo e, ao mesmo tempo, de engajamento dos profissionais da educação para a implementação que se inicia. Por isso, é necessário o debate para traçar estratégias de trabalho em Mato Grosso”, explicou.

A BNCC vai nortear os currículos dos sistemas e redes de ensino nos estados brasileiros, bem como as propostas pedagógicas de todas as escolas públicas e privadas de Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio.

A Base estabelece conhecimentos, competências e habilidades que se espera que todos os estudantes desenvolvam ao longo da escolaridade básica. Segundo Irene, ainda há uma orientação dos princípios éticos, políticos e estéticos, traçados pelas Diretrizes Curriculares nacionais da Educação Básica.

Foi divulgado ainda, documentos que vão auxiliar e nortear a discussão, veja abaixo:

1. Orientações para o Dia D;

2. Roteiro guiado;

3. Apresentação;

4. Apresentação Atividade Extra.

Comentários Facebook

Mato Grosso

Governo firma PPPs Sociais e convênio para pavimentar 90 Km de rodovias em MT

Avatar

Publicado


.

O governador Mauro Mendes assinou, durante evento na tarde desta quarta-feira (27.05), dois termos de colaboração com associações sem fins lucrativos e um convênio com a prefeitura de Tapurah, para pavimentar quase 90 quilômetros e realizar a manutenção de outros 103 quilômetros de rodovias estaduais não-pavimentadas.

Serão asfaltados 79 quilômetros das rodovias MT-129 e MT-422 nos municípios de Gaúcha do Norte e Santa Carmem, respectivamente, por meio do Programa de Parcerias Socais, chamadas de PPP Sociais. Já em Tapurah serão asfaltados 10,9 quilômetros da Estrada do Capixaba e será realizada a manutenção das rodovias não-pavimentadas MT-010, MT-488 e MT-560.

A assinatura dos termos ocorreu durante evento que reuniu o vice-governador Otaviano Piavetta,  o secretário de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, o prefeito de Tapurah,  Iraldo Ebertz, e os presidentes das  Associação dos Beneficiários da Rodovia João Adão Scheeren e a Associação de Manutenção e Extensão da MT-129 (AMEX), Agenor Pelissa e Ari do Prado, respectivamente, além de parlamentares de Mato Grosso.

De acordo com o governador Mauro Mendes, as parcerias sociais foram normatizadas em sua gestão justamente como uma forma de a administração pública reencontrar o caminho dos investimentos no Estado, com apoio das Organizações da Sociedade Civil (OSC), que agora  passam a dar a sua contrapartida de contribuição para  execução de obras importantes. 

 “As PPPs sociais são modelos que simplificam e trazem redução de custos e aumento de eficiência. Com essas parcerias poderemos fazer muito mais asfalto. Há até pouco tempo, o Governo tinha fama de caloteiro e ninguém queria fazer parceria. Em um ano e cinco meses, conseguimos recuperar a credibilidade”, disse o governador.

Ainda segundo o governador, a assinatura das parcerias com associações e a prefeitura é essencial para que o Estado possa implementar ações de infraestrutura importantes para as regiões, para assegurar o direito de ir e vir do cidadão mato-grossense, contribuir para o desenvolvimento econômico e modificar a realidade de Mato Grosso. 

Assinatura de termos de colaboração e convênios vão trazer desenvolvimento para Mato Grosso

“Tenho certeza de que os prefeitos e associações tocarão muito bem essas obras. Agradeço a todos os nossos parceiros. Estamos mostrando que o trabalho sério muda as realidades, melhorando em todas as áreas do Governo, fazendo o que é certo e colhendo os frutos”, afirmou.

O vice-governador Otaviano Pivetta lembrou que a PPP Social foi uma iniciativa que iniciou há mais de 15 anos e que se perdeu no tempo, sendo retomada por esta gestão, com a premissa de que as organizações da sociedade civil interessadas possam contribuir financeiramente, em apoio ao Governo do Estado. Com isso, as organizações passam a não ser somente a investidora para a execução da obra, mas também a principal fiscalizadora.

  “As PPP Sociais são um esforço enorme. Foi uma lei que o governador regulamentou e que temos que aproveitar. O Estado deixou de obedecer a interesses que obedecia até pouco tempo e agora obedece ao interesse da sociedade. Antigamente se faziam os interesses dos grandes exploradores do Estado. Nós quebramos isso. Basta agora fazermos nosso dever de casa e essas parcerias vão fluir”, destacou Pivetta.

O secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, destacou a importância da união de Estado, Município, associações e cidadão para o desenvolvimento de Mato Grosso. Uma união de esforços que já está mudando e vai mudar ainda mais a realidade do Estado.

“O modo como o governador Mauro Mendes está administrando o Estado e como o Pivetta encara essas parcerias, mostra que o Governo está indo no caminho certo. As associações e a Prefeitura nos trouxeram os projetos, com todas as dificuldades, e acreditaram neste novo momento que o Estado está vivendo. Essa parceria que estamos retomando vai beneficiar inúmeras regiões. Uma oportunidade de fazer o melhor para o Estado”, destacou o secretário.

Secretário de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, agradece apoio de prefeituras e associações

Apoio das organizações – Com o apoio da Associação de Manutenção e Extensão da MT-129 (AMEX), em Gaúcha do Norte serão pavimentados outros 39,04 quilômetros da MT-129, no trecho da MT-020 (Rio Alegre) até chegar no município.  Ao todo, os investimentos serão da ordem de R$ 32 milhões. Desse montante, R$ 27 milhões serão repassados pela Sinfra e os outros R$ 4,9 milhões serão a contrapartida da associação.

Para o presidente da AMEX, Ari do Prado, a execução da pavimentação vai ser a realização de um desejo de décadas e vai representar o desenvolvimento da região, que hoje é reconhecida pela produção agrícola, pela pecuária e pelo cultivo de seringueiras para fabricação de borracha.

“Nosso município depende muito dessa ligação asfáltica. Somos um dos poucos municípios de Mato Grosso que ainda não tem ligação asfáltica para chegar na cidade.  Essa obra vai ser um marco. Vai ser a primeira ligação asfáltica, fruto de uma parceria muito importante para o Governo, que acaba economizando, e para nós produtores que investimos hoje, para termos retorno lá na frente, além de todo cidadão de Gaúcha do Norte”, disse.

Já em Santa Carmen, com a colaboração da Associação dos Beneficiários da Rodovia João Adão Scheeren, serão pavimentados 40 quilômetros da MT-422, no trecho que vai do entroncamento da MT-140 até o entroncamento da MT-423, no município. 

Nesta obra serão investidos R$ 34,4 milhões, sendo que R$ 28 milhões serão destinados diretamente pela Sinfra e outros R$ 5,6 milhões serão oriundos de contrapartida da associação.
Segundo Agenor Pelissa, presidente da Associação dos Beneficiários da Rodovia João Adão Scheeren, se não fosse a parceria social seria praticamente impossível conseguir executar a pavimentação, que vai beneficiar toda a região, que espera ansiosa pelo asfalto.

“Essa parceria vem sendo trabalhada há um bom tempo. Nós, produtores, fizemos o projeto e agora estamos sendo privilegiados em ser contemplados. Temos uma grande responsabilidade e estamos confiantes de que vamos fazer um bom trabalho e bem feito, pois sabemos que o Governo do Estado não consegue sozinho atuar em todos os cantos de Mato Grosso”, disse.

Asfalto novo vai fazer alavancar economia dos municípios  

Apoio da Prefeitura – Já com o convênio firmado com a prefeitura de Tapurah serão asfaltados 10,92 quilômetros da Estrada do Capixaba e os serviços de manutenção serão feitos na MT-010, no trecho que vai de Tapurah em direção a São José do Rio Claro e também no Distrito de Novo Eldorado, sentido Ipiranga do Norte. 

Além disso, será realizada a manutenção na MT-560, no Distrito de Novo Eldorado em direção a Sorriso. Já na MT-488, a manutenção será executada no trecho entre Tapurah e Nova Maringá. Para isso, a Sinfra vai repassar R$ 2,9 milhões à prefeitura, que será responsável por executar diretamente os serviços de pavimentação e manutenção das rodovias não-pavimentadas.

Serão repassados R$ 2,7 milhões para que seja feita a pavimentação e mais R$ 245 mil para a aquisição do óleo diesel e materiais de consumo necessários para executar a manutenção das rodovias.

Segundo o prefeito de Tapurah, Iraldo Ebertz, as obras e serviços de infraestrutura serão realizadas no município, mas vão beneficiar ao menos seis cidades vizinhas,  que se utilizam diariamente das rodovias, principalmente, para o escoamento da produção.

“Estamos muito felizes com esse empenho do Governo e com todo esse trabalho que estão fazendo. Uma parceria muito grande entre Governo do Estado, Prefeitura e produtores.  Um convênio que traz um benefício muito grande para o município e toda a região”, encerrou.

Participaram ainda do evento de assinaturas dos termos de colaboração e convênio o prefeito de Gaúcha do Norte, Voney Goiano, e o prefeito de Santa Carmen, Rodrigo Audrey Frantz, beneficiados diretamente com as parcerias.

Também participaram  o senador Carlos Fávaro e os deputados estaduais Dilmar Dal’Bosco, Silvio Favero, Xuxu Dalmolin  e Doutor Eugênio, além dos prefeitos municipais de Querência, Fernando Gorgen, o prefeito de Claúdia, Altamir Kurten, e o prefeito de Novo São Joaquim,  Antônio Augusto Jordão.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Reunião virtual discute qualidade da água dos córregos de Cuiabá

Avatar

Publicado


.

Uma reunião virtual conduzida pelo Comitê de Bacia Hidrográfica do Rio Cuiabá discutirá a qualidade da água dos córregos da capital. O encontro em plataforma Google Meet ocorrerá nesta sexta-feira (29.05), às 9h, permitindo que os membros da CBH e qualquer cidadão possam acompanhar sem sair de casa, seguindo as regras de isolamento social. Para participar basta clicar AQUI

Somando ao debate, a reunião terá participação do analista da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMA), Walter Corrêa, que apresentará sua pesquisa sobre a qualidade da água nas bacias urbana. Além dele, a mestre em Química, Carolina Simonato, que vai abrir diálogo sobre os córregos de Cuiabá.

Segundo a presidente do Comitê, Professora Eliana Beatriz Lima, a apresentação dos resultados das pesquisas vão colaborar para a identificação dos pontos de fragilidade nas bacias urbanas.

“A apresentação do engenheiro Walter é de extremo interesse do Comitê, pois o CBH precisa propor alternativas para revisão e enquadramento transitório. Com essa apresentação é possível que o Comitê tenha subsídio para fazer uma proposição de mudança”, destaca Eliana.

Ainda sobre as pautas da reunião, os membros devem discutir a atuação das câmaras técnicas do CBH, formada por alguns membros do Comitê, que discutem questões e melhorias nas ações do coletivo.

“Nós decidimos pela contratação de um bolsista que possa apoiar os membros das câmaras técnicas com a coleta de informações, permitindo que essas câmaras iniciem seus trabalhos de forma mais efetiva”, afirma a presidente.

Com práticas que visam à conversação das águas do rio Cuiabá, o Comitê pretende ainda constituir um Plano de Bacia que direcione as atividades do CBH durante todo o ano.

“Para 2020 protocolamos junto ao Ministério Público do Estado (MPE-MT) nossa proposta de elaboração do Plano de Bacia. Com isso buscamos recursos para realizar esse plano. Então isso vai ser um diferencial na vida do Comitê, pois vai dar condições para a gente enxergar quais bacias temos, quais são os nossos problemas e o que precisamos fazer”, conclui a presidente.

Os interessados em participar do debate necessitam apenas de um dispositivo com acesso à internet (computador, celular, tablet) e, se possível, fones de ouvido e webcam. Lembrando que os itens adicionais são apenas para tornar a experiência virtual ainda mais proveitosa.

Para ler a íntegra da Carta Convocatória e ficar por dentro de todos os detalhes da reunião, clique AQUI. Para acessar a sala virtual do encontro clique AQUI. É válido ressaltar que o participante só terá acesso permitido na sala de reunião no dia e horário marcado.

Conheça o CBH Cuiabá

O Comitê foi instituído em 2015, entretanto, sua primeira reunião ordinária aconteceu apenas em 2017, com a posse dos primeiros membros. Formado por representantes de instituições públicas, sociedade civil e organizações não governamentais, o CBH atua nos afluentes da margem esquerda do Rio Cuiabá, entre o divisor de água do rio Manso até parte da região de Barão de Melgaço.

Entre os principais cursos d’água de responsabilidade do Comitê estão: Ribeirão dois Córregos, Rio Bandeira, Ribeirão do Lipa, Mané Pinto, Prainha, Gambá, Barbado, Coxipó, São Gonçalo, Córrego Escuro e Rio Aricá Açu. Além do CBH Cuiabá, existem outros nove Comitês em atividade no Estado. Saiba mais AQUI.

Serviço

Reunião Virtual CBH São Lourenço

Data: 29 de maio (sexta-feira)

Horário: 09h

Acesso a reunião: http://meet.google.com/eiw-iyhy-dgd

 

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana