conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil prende dupla acusada de furto de lava-jato em Várzea Grande

Publicado

Policial

Assessoria PJC|MT

Dois homens suspeitos de furtarem um lava jato em Várzea Grande foram presos pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf-VG), na manhã desta segunda-feira (26.02), poucas horas após o crime. L.F.C., 40, e E. A., 19, foram autuados em flagrante pelo crime de furto qualificado. A ação resultou na recuperação da bomba de alta pressão subtraída do estabelecimento.

Os investigadores da Derf-VG iniciaram as diligências logo após o dono do lava jato, localizado Avenida Filinto Müller, bairro Jardim Itororó, comparecer da delegacia para registrar a ocorrência. A vítima informou que ao chegar em seu comércio, se deparou com o local arrombado. Os suspeitos escalaram a parede do imóvel, e invadiram a empresa quebrando o telhado.

Do local, foram levados vários objetos, dentre eles, uma bomba de alta pressão profissional, avaliada em R$ 3,2 mil. Os criminosos usaram um extintor de incêndio para arrombar uma das portas, causando a vítima um prejuízo aproximado de R$ 5 mil.

No decorrer das investigações, os policiais civis conseguiram identificar e prender os dois autores do furto. O primeiro suspeito identificado foi encontrado pela equipe em sua residência no bairro Jardim Eldorado. Na abordagem, ele confessou a autoria do crime e delatou o seu comparsa, que foi preso em seguida. 

A bomba de alta pressão profissional furtada foi localizada em um terreno baldio nas proximidades. Diante do flagrante, a dupla foi conduzida à Derf-VG, onde após serem interrogados foram autuados em flagrante pela delegada Elaine Fernandes da Silva.

Participaram da ação os investigadores Márcio Tobias e Leonardo Nogueira.

 

 

Comentários Facebook

Policial

Réu pela morte da ex-convivente tem prisão cumprida pela Polícia Civil

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

Um homem de 53 anos, réu pelo feminicídio da ex-convivente, ocorrido em 2018 na cidade de Castanheira, noroeste do estado, foi preso nesta segunda-feira (18.10) pela Polícia Civil, em Nova Lacerda. O mandado de prisão preventiva foi cumprido pela equipe do delegado Ricardo Marques Sarto.

O réu foi preso em sua residência, localizada no centro da cidade, e estava aguardando o julgamento em prisão domiciliar.
Contudo, a decisão foi revogada e um novo mandado foi expedido pela 3a Vara Criminal da Comarca de Juína, onde tramita o processo do feminicídio. Agora, ele aguardará o júri em regime fechado.

A vítima, Rosana Borges das Neves, 31 anos, foi morta pelo réu que invadiu a residência de familiares dela, em Castanheira, e a atingiu com vários disparos de arma de fogo. Conforme o registro da ocorrência, a vítima ainda gritou por socorro e tentou fugir do autor do crime, mas foi atingida pelas costas.

Após os trâmites legais de formalização do mandado de prisão na Delegacia de Comodoro, o preso foi encaminhado à unidade prisional, onde permanece à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Suspeito de tentativa de homicídio, que age como disciplina de facção, é preso pela Polícia Civil

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT 

A Polícia Civil cumpriu nesta segunda-feira (18.10), em Paranatinga, um mandado de prisão preventiva contra um rapaz de 21 anos investigado por tentativa de homicídio qualificado, ocorrida na última semana, na cidade.

O suspeito foi identificado como “disciplina” de uma facção criminosa e é investigado pela prática de diversos crimes realizados em Paranatinga, como tortura, tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma de fogo.

No último dia 12 de outubro, a vítima de 22 anos estava em uma residência quando foi atingido por disparos de arma de fogo.

A equipe da Delegacia de Paranatinga realizou diligências e chegou à identificação do autor do crime. Com a documentação reunida sobre a ação criminosa, o delegado Hugo Abdon representou pelo pedido de prisão preventiva, deferido pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Paranatinga.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso