conecte-se conosco


Policial

Jovem responderá por furto qualificado após utilizar 2ª via de cartão de idoso em Jauru

Publicado

Policial

Assessoria | PJC-MT

Um mandado de busca e apreensão contra um jovem acusado de furto mediante abuso de confiança foi cumprido pela Polícia Judiciária Civil, na manhã desta quarta-feira (21.02), em Jauru (425 km a Oeste). O suspeito, R. G. P. é acusado de pedir um cartão conta bancária de um idoso, com o qual realizou diversos gastos em estabelecimentos comerciais da cidade.

Segundo as investigações, o suspeito aproveitou da pouca instrução de seu vizinho, um idoso de 63 anos, para praticar o crime. Depois de colher dados pessoais da vítima e sequência numérica do seu cartão de contra corrente, o suspeito instalou o aplicativo do banco em seu aparelho celular pessoal e solicitou uma segunda via do cartão.

Após receber o cartão da conta da vítima em seu endereço pessoal, o suspeito passou a usá-lo em comércios da cidade. Com base nas investigações, foi representado pelo mandado de busca e apreensão domiciliar contra o suspeito, o qual foi cumprido por policiais da Delegacia de Jauru, nesta quarta-feira.

Durante as buscas na residência do investigado, no bairro Boa Esperança, ele confessou o crime e disse que descartou o cartão em um matagal, após perceber que ele foi bloqueado. Na casa, os policiais apreenderam um pen drive e um aparelho DVR.

O suspeito foi conduzido a Delegacia de Jauru, onde interrogado pelo delegado Rafael Mendes Scatolon, alegou que estava desempregado quando praticou o crime e disse que agora que está trabalhando ressarcirá o idoso todos os danos financeiros que causou. Após ser ouvido, o acusado foi liberado e responderá em inquérito policial pelo crime de furto qualificado.

Comentários Facebook

Policial

Réu pela morte da ex-convivente tem prisão cumprida pela Polícia Civil

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

Um homem de 53 anos, réu pelo feminicídio da ex-convivente, ocorrido em 2018 na cidade de Castanheira, noroeste do estado, foi preso nesta segunda-feira (18.10) pela Polícia Civil, em Nova Lacerda. O mandado de prisão preventiva foi cumprido pela equipe do delegado Ricardo Marques Sarto.

O réu foi preso em sua residência, localizada no centro da cidade, e estava aguardando o julgamento em prisão domiciliar.
Contudo, a decisão foi revogada e um novo mandado foi expedido pela 3a Vara Criminal da Comarca de Juína, onde tramita o processo do feminicídio. Agora, ele aguardará o júri em regime fechado.

A vítima, Rosana Borges das Neves, 31 anos, foi morta pelo réu que invadiu a residência de familiares dela, em Castanheira, e a atingiu com vários disparos de arma de fogo. Conforme o registro da ocorrência, a vítima ainda gritou por socorro e tentou fugir do autor do crime, mas foi atingida pelas costas.

Após os trâmites legais de formalização do mandado de prisão na Delegacia de Comodoro, o preso foi encaminhado à unidade prisional, onde permanece à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Suspeito de tentativa de homicídio, que age como disciplina de facção, é preso pela Polícia Civil

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT 

A Polícia Civil cumpriu nesta segunda-feira (18.10), em Paranatinga, um mandado de prisão preventiva contra um rapaz de 21 anos investigado por tentativa de homicídio qualificado, ocorrida na última semana, na cidade.

O suspeito foi identificado como “disciplina” de uma facção criminosa e é investigado pela prática de diversos crimes realizados em Paranatinga, como tortura, tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma de fogo.

No último dia 12 de outubro, a vítima de 22 anos estava em uma residência quando foi atingido por disparos de arma de fogo.

A equipe da Delegacia de Paranatinga realizou diligências e chegou à identificação do autor do crime. Com a documentação reunida sobre a ação criminosa, o delegado Hugo Abdon representou pelo pedido de prisão preventiva, deferido pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Paranatinga.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso