conecte-se conosco


Policial

Quadrilha especializada em roubos a residências é presa em Cuiabá pela DERF

Publicado

Policial

Assessoria | PJC-MT

Em ação que perdurou durante a madrugada desta quinta-feira (06), a Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Cuiabá realizou a prisão de cinco membros de uma associação criminosa investigada pela autoria de diversos assaltos na Capital.

Conforme a nova metodologia de trabalho desenvolvida pela Derf, de atendimento no local de crimes envolvendo restrição de liberdade da vítima, o Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (CIOSP) acionou a unidade especializada após ocorrência do crime de roubo a um casal de idosos em região próxima ao bairro Coophema, onde 03 indivíduos armados teriam rendido as vítimas, trancado em um quarto e subtraído joias, eletrônicos e um veículo Toyota Etios.

Após levantamento preliminar das equipes policiais, comandadas pelos delegados Guilherme Fachinelli e Guilherme Bertoli, foi constatada a identidade de Renan Bernardo dos Santos Amorim, 19, em reconhecimento fotográfico com as vítimas.

Com agilidade, os policiais civis descobriram que o suspeito usava um veículo EcoSport, que seria usado constantemente para transporte de entorpecente para pontos de traficância (bocas de fumo), chefiados por uma facção criminosa que agiria dentro de um presídio da Capital. Diante da informação foram realizadas diversas diligências para localização do carro usado pelo assaltante.

Após denúncias anônimas, a equipe policial realizou monitoramento e vigilância na rodoviária localizada próximo ao bairro Alvorada.

Além de Renan, no momento da abordagem estavam no veículo os suspeitos Lucas dos Santos Cardoso, 20, Luis Otavio Alves, 19, Nilva de Franca Ferreira, 20. Em buscas no carro foi localizado um revólver calibre 38 municiado, um colete balístico e dois tabletes grandes de maconha.

Integrante do grupo, a adolescente, E.G.,17, estava em um hotel nas proximidades da rodoviária esperando os outros comparsas. Aos policiais ela afirmou que entregaria a Nilva uma mala com 14 tabletes grandes (e dois pequenos) de maconha. A menor também confessou o planejamento de uma viagem a Novo Progresso, no Pará, para buscar entorpecentes.

O veículo Etios, subtraído do casal de idosos, foi recuperado no bairro Pascoal Ramos.

O grupo criminoso, reconhecido em pelo menos 03 roubos na Capital, foi autuado pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, corrupção de menores, porte de arma de fogo de uso permitido e roubo.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook

Policial

Réu pela morte da ex-convivente tem prisão cumprida pela Polícia Civil

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

Um homem de 53 anos, réu pelo feminicídio da ex-convivente, ocorrido em 2018 na cidade de Castanheira, noroeste do estado, foi preso nesta segunda-feira (18.10) pela Polícia Civil, em Nova Lacerda. O mandado de prisão preventiva foi cumprido pela equipe do delegado Ricardo Marques Sarto.

O réu foi preso em sua residência, localizada no centro da cidade, e estava aguardando o julgamento em prisão domiciliar.
Contudo, a decisão foi revogada e um novo mandado foi expedido pela 3a Vara Criminal da Comarca de Juína, onde tramita o processo do feminicídio. Agora, ele aguardará o júri em regime fechado.

A vítima, Rosana Borges das Neves, 31 anos, foi morta pelo réu que invadiu a residência de familiares dela, em Castanheira, e a atingiu com vários disparos de arma de fogo. Conforme o registro da ocorrência, a vítima ainda gritou por socorro e tentou fugir do autor do crime, mas foi atingida pelas costas.

Após os trâmites legais de formalização do mandado de prisão na Delegacia de Comodoro, o preso foi encaminhado à unidade prisional, onde permanece à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Suspeito de tentativa de homicídio, que age como disciplina de facção, é preso pela Polícia Civil

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT 

A Polícia Civil cumpriu nesta segunda-feira (18.10), em Paranatinga, um mandado de prisão preventiva contra um rapaz de 21 anos investigado por tentativa de homicídio qualificado, ocorrida na última semana, na cidade.

O suspeito foi identificado como “disciplina” de uma facção criminosa e é investigado pela prática de diversos crimes realizados em Paranatinga, como tortura, tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma de fogo.

No último dia 12 de outubro, a vítima de 22 anos estava em uma residência quando foi atingido por disparos de arma de fogo.

A equipe da Delegacia de Paranatinga realizou diligências e chegou à identificação do autor do crime. Com a documentação reunida sobre a ação criminosa, o delegado Hugo Abdon representou pelo pedido de prisão preventiva, deferido pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Paranatinga.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso