conecte-se conosco


Nacional

Instituto faz campanha contra o câncer de mama no Parque Ibirapuera

Publicado

Nacional

Mulheres com idade entre 40 e 69 anos podem fazer, gratuitamente, exames de mamografia no Parque Ibirapuera, zona sul da capital paulista, até quarta-feira (12). A ação faz parte da campanha Giro pela Vida, do Instituto Avon, e integra a mobilização do Outubro Rosa.

Além dos exames, a campanha tem uma roda-gigante iluminada de rosa, que representa os altos e baixos que a mulher diagnosticada com câncer de mama passa durante o tratamento. Um cinema ao ar livre exibe filmes que valorizam o protagonismo das mulheres. As atividades são gratuitas.

Gicelia Maria dos Santos, 48 anos, auxiliar de limpeza, aproveitou o domingo para fazer a mamografia. Segundo ela, duas mulheres da família já tiveram a doença. “Então, tenho de me prevenir. Faz um ano e meio que não faço o exame. No posto de saúde, demora seis meses para marcar. É uma perda de tempo”.

Irene Miranda Soares dos Santos, 63 anos, auxiliar de remoção de entulho, também aprovou a iniciativa. “É prevenção. Depois que a doença atinge fica mais complicado. Dependo de posto de saúde. É difícil. Em Guarulhos, é muito difícil marcar consulta.”

Senhas

Os exames de mamografia são feitos numa carreta do Hospital de Câncer de Barretos. No ano passado, mais de 65 mil pessoas participaram do evento e foram feitas 700 mamografias.

Para o exame, é preciso chegar cedo, já que são distribuídas apenas 60 senhas às 8h30. Para participar, é preciso apresentar o cartão do Sistema Único de Saúde (SUS), RG, CPF e comprovante de endereço. O resultado do exame é enviado para residência em até 50 dias.

O horário de funcionamento da roda-gigante e do cinema é de 10h às 21h. Para garantir o ingresso para os filmes, com sessões às 14h, 16h e 19h, é preciso chegar com uma hora de antecedência.


Comentários Facebook

Nacional

PF termina investigação sobre manchas de óleo que atingiram litoral brasileiro

Publicado


source
Manchas de óleo cru em praia do Rio Grande do Norte
Divulgação

Manchas de óleo cru em praia do Rio Grande do Norte

Polícia Federal informou nessa quinta-feira que concluiu as investigações acerca das manchas de óleo que apareceram no litoral brasileiro em 2019. De acordo com a PF, um navio petroleiro de bandeira grega teria sido o responsável pelo desastre ambiental, que gerou um custo de mais de R$ 188 milhões aos cofres públicos para limpeza de praias e oceano.

Divididas em três etapas, as investigações analisaram características da substância, o local onde se originou o vazamento e documentos que pudessem esclarecer informações, com os quais o Brasil contou com apoio da Interpol.

A partir dessas provas a PF chegou à conclusão que existe ”indícios suficientes de que um navio petroleiro de bandeira grega” teria sido o causador do desastre ambiental.

”Foram indiciadas pela prática dos crimes de poluição, descumprimento de obrigação ambiental e dano a unidades de conservação a respectiva empresa e seus responsáveis legais, bem como o comandante e o chefe de máquinas do navio”, informou a Polícia em nota.

A PF ainda divulgou os gastos com a limpeza de praias e oceano após o derramamento de óleo. Segundo a instituição, órgãos Federais, Estaduais e Municipais acaram mais de R$ 188 milhões para recuperação ambiental, ”estabelecendo-se assim um valor inicial e mínimo para o dano ambiental. Depois das apurações a respeito do valor total gasto, a PF deverá encaminhar o laudo as autoridades competentes.

Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Temporais e formação de um ciclone devem marcar os próximos dias de dezembro

Publicado


source
Chuva em São Paulo
Reprodução: Agência Brasil

Chuva em São Paulo

O último mês do ano reserva a chegada de um novo ciclone nos próximos dias. A primeira semana de dezembro deve terminar com pouca chuva nos estados de São Paulo e Rio De Janeiro, contudo, por conta da formação do ciclone, as chuvas retornam.

No mês novembro, os temporais ultrapassaram o esperado. Segundo dados da estação INMET (Instituto Nacional de Meteorologia), novembro foi marcado por chuva acima da média em grande parte do centro-norte do país. Ao todo, 16 capitais no Brasil apresentaram chuva acima da média em novembro de 2021.

Previsão para o fim da semana

A expectativa para o fim de semana é de pancadas isoladas de chuva nas cidades de São Paulo que fazem divisa com Minas e Rio de Janeiro, como é o caso do Vale do Paraíba, Serra da Mantiqueira, norte e noroeste do estado. Porém, segundo o Climatempo, a quantidade de chuva é moderada.

A tendência também é de chuva isolada no Noroeste e Região Serrana do Rio de Janeiro neste período.

Nos próximos dias, as capitais do Rio e São Paulo permanecem com o tempo quente e a presença de sol. A sensação, na maior parte do tempo, é de abafamento. Devido a uma infiltração marítima, as noites e madrugadas ficam mais úmidas e nubladas.

As temperaturas em São Paulo atingem a máxima de 30ºC e a mínima de 16ºC neste fim de semana. No Rio, os termômetros são parecidos. Máxima de 31ºC e mínima de 18ºC.

Leia Também

No domingo, a chuva volta nas duas capitais em forma isolada e moderada. Na segunda-feira, o tempo fica mais carregado e existe a chance de temporais. 


Temporais na próxima semana em SP e no RJ

A formação de um ciclone favorece o aumento de chuvas torrenciais na próxima segunda-feira (06) em ambos os estados. Além disso, a previsão ainda é de temporais por várias áreas do Sudeste.

Na segunda, São Paulo atinge a mínima é 18ºC e a máxima 27ºC. No Rio de Janeiro, a mínima será de 20ºC e a máxima de 33ºC. As chances de chuva nesse dia são de mais de 90%, segundo o Climatempo.

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso