Eleições 2018: mais de 147 milhões vão às urnas hoje pelo futuro do País


Nas eleições 2018, serão disputadas um total de 1.654 vagas nos Poderes Executivo e Legislativo
Jr./ ASICS/ TSE

Nas eleições 2018, serão disputadas um total de 1.654 vagas nos Poderes Executivo e Legislativo

Foi dada a largada da corrida eleitoral. A partir das 8h deste domingo (6), o eleitorado brasileiro vai às urnas para escolher os nomes daqueles que representarão, no governo federal e estadual, a voz do povo nos próximos anos. Ao todo, o número de eleitores aptos a participar das eleições 2018 é de 147.302.354, distribuídos por 5.550 municípios e em 171 localidades de 110 países.

Leia também: Fique atento: eleitores devem escolher dois candidatos para o Senado neste ano

Nas eleições 2018 , serão disputadas um total de 1.654 vagas nos Poderes Executivo e Legislativo. Os cargos em aberto para os candidatos nesse pleito são de governador, senador, deputado federal, deputado estadual, deputado distrital, além daquele que ocupará a Presidência da República a partir de 2019.

Todos brasileiros maiores de 16 anos terão até as 17h de hoje para ir até a sua sessão eleitoral e realizar o voto na urna eletrônica lá localizada. Aqueles que tiverem menos de 18 anos ou mais de 65, poderão escolher se vão ou não participar das eleições deste ano. Para os demais, o voto é obrigatório.

Leia também: Números de eleitores cresce, mas o de jovens aptos a votar cai 14% em 4 anos

De acordo com o TSE, a maioria do eleitorado brasileiro é formada por mulheres, com 77.337.918 (52,5%), enquanto os homens somam 69.901.035 (47,5%). Em 2014, as mulheres eram 74.459.424 (52,13%) e os homens, 68.247.598 (47,79%). O TSE também registrou um crescimento expressivo dos eleitores no exterior nos últimos quatro anos, passando de 354.184 para 500.727 eleitores, aumento de 41,37%.

Quem tiver mais de 18 anos e menos de 65, mas não puder ou não conseguir participar das eleições neste ano, deverá justificar a sua ausência no voto. O eleitor terá até 60 dias para justificar em qualquer cartório eleitoral. Mesmo assim, os que não votarem no primeiro turno deverão votar normalmente em um eventual segundo turno, no dia 28 de outubro.

Leia também: O que precisa para votar? Entenda como deve ser feita a votação nesse domingo

Para registrar seu voto nas eleições 2018 , é necessário apresentar um documento oficial com foto, como carteiras de identidade, de trabalho, nacional de habilitação, certificado de reservista, Documento Nacional de Identidade (DNI) ou passaporte.

* Mais informações em instantes. Notícia em constante atualização.

Comentários Facebook