Em seu aniversário, Lula pede voto em Haddad por meio de duas cartas e vídeo


Aniversário de Lula é marcado por cartas e vídeo do ex-presidente recomendando votos no candidato Fernando Haddad
Ricardo Stuckert

Aniversário de Lula é marcado por cartas e vídeo do ex-presidente recomendando votos no candidato Fernando Haddad

Preso desde o dia 7 de abril deste ano, na Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva enviou duas novas cartas aos seus apoiadores neste sábado (6), véspera do domingo de eleições. Na primeira carta, o petista lembra que hoje é seu aniversário oficial. O real aniversário de Lula é dia 27 de outubro, mas ele foi registrado como se houvesse nascido no dia 6 do mesmo mês.

Dado o aniversário de Lula , o petista pediu votos no candidato presidenciável Fernando Haddad (PT) como presente do seu eleitorado. “Dia 6 de outubro é meu aniversário oficial. Espero ganhar de presente no dia 7 de outubro o voto do povo brasileiro no Haddad para Presidente. Haddad é 13. Haddad é Lula”, escreveu o ex-presidente. 

Essa foi apenas uma das mensagens do petista neste dia que antecede o primeiro turno das eleições 2018 . Além desse bilhete rápido, Lula enviou uma carta em que ressalta que a urna eletrônica “não é lugar para digitalizar ódio”. 

“Urna não é lugar para digitalizar ódio, mas sim esperança. Dia 7 o povo vai decidir o futuro do Brasil votando para presidente da República, governadores, senadores e deputados federais e estaduais”, escreveu. “De todos os partidos, o PT é o que tem a experiência mais bem sucedida de governar o Brasil, com a mais forte política de inclusão social. Por isso, vote em Haddad para presidente”, reafirmou Lula

Além das duas cartas escritas a mão, o ex-presidente teve um vídeo inédito protagonizado por ele divulgado neste sábado, pelo Partido dos Trabalhadores. No vídeo, o ex-presidente também fez autoelogios ao próprio partido, dizendo que não há ‘nenhum partido melhor que o PT’.

“E eu queria falar com você, falar com seu coração e a sua alma. E a gente defender o legado do partido que mais fez políticas sociais nesse País. Nunca esse País precisou tanto de você”, disse Lula na gravação. “Está na hora da gente levantar a cabeça, porque pode ter igual, mas nesse País não tem ninguém melhor do que nós”, afirmou.

O aniversário de Lula foi lembrado pelo candidato Fernando Haddad, que compartilhou o bilhete de recomendação de voto do ex-presidente em si, na sua própria rede social. 

Comentários Facebook